Thaisa Galvão

31 de março de 2014 às 23:49

Quando não tem quem destrave o trânsito [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E se o trânsito de Natal já está ruim…
Parece que piora ainda mais quando os guardas vão pra rua…
É que é muita conversa e pouco tempo para botar o papo em dia…
Enquanto isso no cruzamento…
Fotos: Thaisa Galvão

20140331-234622.jpg

20140331-234658.jpg

20140331-234810.jpg

31 de março de 2014 às 22:00

Tribuna do Norte entrevista estudante passageira do voo da Avianca que fez pouso forçado em Brasília [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Tribuna do Norte Online:

Natalense que estava em voo da Avianca relata pavor durante pouso forçado

Roberto Lucena – Repórter

“Deus me deu uma segunda chance na vida. Pensei que ia morrer, mas nasci novamente”. A frase é da estudante Daniela Ávila, 24 anos, e resume o sentimento de alívio após passar por episódio traumático que a deixou em estado de desespero. Daniela era uma das 44 pessoas que estavam no voo OC 6393 da empresa aérea Avianca que realizou um pouso de emergência na última sexta-feira. O voo saiu de Petrolina/PE com destino ao Aeroporto Internacional Juscelino Kubitscheck, em Brasília.

20140331-220037.jpg

Na manhã de hoje, em entrevista exclusiva à TRIBUNA DO NORTE, a estudante contou como foram os momentos de medo, apreensão e alívio que se sucederam no final da tarde daquele dia. Além dos 44 passageiros, 5 tripulantes estavam a bordo.

Natural de Belo Horizonte/MG, Daniela mora na capital potiguar há seis anos onde cursa Medicina numa universidade particular. Desde fevereiro passado, a estudante foi três vezes à Brasília/DF visitar o namorado que está realizando um curso de formação na Academia da Polícia Federal. “Por questões econômicas, preferi comprar a passagem saindo de Pernambuco. Fui de ônibus até Recife e, de lá, embarquei para Petrolina onde fiz a conexão para Brasília. Nessas condições, a passagem estava bem mais em conta”, disse.

O voo saiu de Petrolina às 15h. Durante a maior parte da viagem prevista para encerrar às 17h30, não houve nenhum imprevisto. No entanto, por volta das 16h30, o piloto Eduardo Verly avisou que algo estava errado. “A primeira mensagem do comandante foi avisando que havia um problema no trem de pouso dianteiro, mas que não era grave. A única dificuldade seria a impossibilidade de taxiamento em solo”, contou Daniela. “Ninguém achou estranho ou ficou preocupado. A viagem seguiu normalmente”, completou.

Dez minutos depois, a voz do comandante interrompeu a viagem. “Ele disse que iria tentar resolver o problema do trem de pouso fazendo algumas curvas”, contou. A partir daí, o piloto começou uma sequência de manobras na tentativa de destravar o trem de pouso. “As manobras eram bem fortes. Deu um pouco de medo, nesse momento”, disse.

Mensagem aos passageiros

A ação do piloto durou cerca de dez minutos e não produziu o efeito desejado. Foi aí que, mais uma vez, o comandante trouxe uma nova mensagem aos passageiros e tripulação. “Como as manobras não deram certo, o piloto avisou que faríamos um pouso de emergência. Para diminuir o perigo de explosão, ia sobrevoar Brasília e, assim, gastar combustível. Os comissários pediram para a gente tirar todos os objetos que pudessem nos machucar, inclusive, sapato alto. Tirei tudo e coloquei na bolsa. Nessa hora, comecei a chorar e rezar”, lembrou.

O piloto voltou a se comunicar com os passageiros e tripulação cinquenta minutos depois. Antes disso, como revelam as notícias divulgadas pela imprensa, Eduardo Verly comunicou o problema à torre de comando do aeroporto Juscelino Kubitscheck. “Ele avisou que ia pousar e deveríamos ficar na posição que os comissários ensinaram. Quando flexionei minhas pernas, um filme passou pela minha cabeça. Pensei que ia morrer. Lembrava do meu pai, do meu namorado, amigos. Já imaginava como eles reagiriam à notícia. Pensava nisso, rezava e chorava”.

O avião pousou na pista às 17h55 primeiramente com o trem de pouso traseiro. De acordo com Daniela, o primeiro toque no solo foi tranquilo. “Pensei que tudo já tinha acabado e já ia comemorar”, disse. Mas, logo em seguida, a “barriga” da aeronave tocou o solo e assustou a todos. “O barulho era muito alto. Parecia um prédio desabando. O teto cedeu um pouco. Fiquei com muito medo do avião se partir ou explodir”. Poucos segundos depois, o avião estava parado. O cheiro de queimado assustou ainda mais os passageiros. Em seguida, o piloto abriu a cabine, perguntou se todos estavam bem e cinco bombeiros subiram.

Socorro imediato

“Eles vieram logo me socorrer. Acho que eu era a mais nervosa. Estava doida para sair dali. Se fosse preciso, pularia”, contou Daniela. O socorro foi prestado de forma imediata. Os passageiros saíram da aeronave pela rampa inflável e, na sequência, encaminhados para uma sala reservada no aeroporto.

Daniela contou ainda que, em solo, a empresa aérea prestou a assistência necessária. Ninguém ficou ferido. Apenas o co-piloto precisou de atendimento médico pois sentiu dores na coluna.

Apesar do episódio traumático, a estudante teve que, dois dias depois, embarcar em um novo voo de volta à Natal. “Fiquei com um pouco de medo, mas tinha que voltar”, disse. “Desse episódio, tiro a conclusão de que Deus me deu uma segunda chance. Graças a Ele e ao piloto, estou viva”, disse aliviada. Pelo Facebook, a estudante enviou uma mensagem de agradecimento ao piloto. A Deus, agradeceu em oração.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) está apurando o acidente. Não há um prazo estabelecido para encerramento da investigação. Entre as possibilidades para o problema no trem de pouso estão: falha mecânica, hidráulica ou elétrica.

31 de março de 2014 às 21:47

Dirigente do PR, Shirley Targino deixa o governo mas exoneração ainda não está no Diário Oficial [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Ainda não está no Diário Oficial desta terça-feira a exoneração da secretária de Assistência Social do Estado, Shirley Targino.
Presidente do PR Mulher, Shirley permaneceu na gestão Rosalba mesmo depois do rompimento do seu partido com o Governo.
Figurava como ‘escolha pessoal’ da governadora.
As duas já foram cunhadas…
Mas…
Como namorada do deputado João Maia, indicado vice na chapa do governadorável Henrique Alves (PMDB), a ‘escolha pessoal’ começou a ficar…esquisita.
E nesta segunda-feira, Shirley entregou carta de demissão.
Quer estar livre para participar do encontro do PR de sábado, onde será oficializada para os filiados de todo o Estado, a indicação de JM para a chapa formada por Henrique e pela adversária-desafeta da governadora, a ex-governadora Wilma de Faria (PSB).
*
Ao evento do PMDB e PSB, de sexta passada, Shirley não foi.

31 de março de 2014 às 21:44

Rosalba fecha chapa com Cláudia Regina e a mulher de ex-secretário rompido com governo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E o PR anda mesmo é pra lá de aliado ao DEM.
Na disputa estadual e seguindo para coligação na proporcional.
Em Mossoró, casamento.
Hoje a mulher de Renato Fernandes (PR), ex-secretário de Turismo do governo Rosa, Seyssa Praxedes (PR), bateu martelo para ser a vice da prefeita afastada Cláudia Regina (DEM), na eleição suplementar de Mossoró, marcada para 4 de maio.
Detalhe: Renato deixou o governo depois que o PR rompeu com a Rosa…

A chapa foi fechada na casa de Cláudia, com presença da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), do marido e presidente do DEM-Mossoró, Carlos Augusto Rosado, e…da secretária demissionária Shirley Targino, do PR.
*
Help…
Socorro…
Alguém aí consegue entender a política do Rio Grande do Norte?

*
Com informações e foto do Defato.com

20140331-214526.jpg

31 de março de 2014 às 21:20

Fátima Bezerra continua afinada com o prefeito Carlos Eduardo [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Huummm…
O que há por trás do apoio do prefeito Carlos Eduardo (PDT) à candidatura da sua vice-prefeita Wilma de Faria (PSB) ao Senado?
É que em vez de ficar chateada e de dar declarações cobrando a reciprocidade comentada em verso e prosa, Fátima revelou que vai se manter parceira do prefeito.
Em entrevista à 96FM hoje à noite, Fátima fez uma revelação:
“Meu mandato é republicano. O prefeito contou comigo no passado, conta no presente e contará no futuro”.
*
Fátima sabe que apesar da posição tomada pelo prefeito, vários secretários do Município apoiarão sua candidatura ao Senado. E sabe também que o prefeito não fechou questão na Prefeitura, deixando os auxiliares à vontade.

31 de março de 2014 às 21:18

Fátima diz que conversas com PSD de Robinson estão avançadas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na entrevista aos jornalistas Ênio Sinedino, Marcos Aurélio Sá e Túlio Lemos, na 96FM, a deputada Fátima Bezerra reafirmou sua candidatura ao Senado.
E disse que as conversas com o PSD estão bem avançadas, lembrando que os dois partidos cumprirão juntos uma agenda pelo interior.

20140331-212044.jpg

31 de março de 2014 às 21:04

Peemedebista admite rejeição à chapa puxada pelo seu partido no RN [2] Comentários | Deixe seu comentário.

De um peemedebista poderoso, a um petista, hoje à tarde, no pronto-socorro do Hospital do Coração, sobre a chapa comandada pelo seu líder, o presidente do seu PMDB, deputado Henrique Alves:
“A rejeição está muito grande”.
*
Há poucos meses, o mesmo peemedebista e o mesmo petista haviam se encontrado, e o clima de otimismo marcava o sorriso no rosto do peemedebista.
Hoje…tudo diferente.
Será que era o clima de hospital?

31 de março de 2014 às 20:48

Duodécimo: desembargador Glauber Rêgo indefere liminar do MP contra Governo do Estado [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do site do Tribunal de Justiça do RN:

Duodécimo : Relator indefere liminar requerida pelo MPRN

O desembargador Glauber Rêgo, relator do Mandado de Segurança com Liminar nº 2014.002637-5, impetrado pelo Ministério Público do Estado (MPRN)decidiu pelo indeferimento da ação judicial contra o Governo do Estado. O magistrado ao apreciar o pedido da Procuradoria Geral de Justiça, sem adentrar no mérito da lide, entende que as informações e justificativas contidas nos autos não são suficientes para demonstrar que o indeferimento da medida proposta pelo MP redundará em prejuízo irreparável ao impetrante.
*
O MP havia encaminhado ao Governo do Estado proposta orçamentária, referente ao exercício de 2014, no valor de R$ 289 milhões. Todavia, a redução no valor da proposta para R$ 245 milhões, votada na Assembleia Legislativa, não agradou ao órgão fiscalizador da lei.
O MP destaca ainda que depois de aprovar o projeto de lei que estima a receita e fixa a despesa do Estado, este foi encaminhado para a aprovação da governadora Rosalba Ciarlini, a qual sancionou “sem opor nenhum veto a matéria, seja por inconstitucionalidade, seja por contrariedade do interesse público”.
O órgão requereu ainda a concessão liminar para que seja disponibilizado em seu favor o valor total de R$ 1,9 milhão, referente ao valor complementar correspondente ao mês de janeiro de 2014, mediante bloqueio de uma conta do Governo do Estado e também que fosse determinado a obrigatoriedade de efetuar repasses consonantes com o valor do duodécimo exigido pelo impetrante.
*
Na defesa, o Governo do Estado prestou informações alegando, preliminarmente, que a matéria deveria ser objeto de ação de cobrança e não de Mandado de Segurança. O relator do caso, o desembargador Glauber Rêgo, decidiu pelo indeferimento da proposta do Ministério Público, baseando-se na Lei Nº 12.016/2009.

31 de março de 2014 às 16:25

Protesto contra corrupção no centro de Natal [3] Comentários | Deixe seu comentário.

Justiça cega e na lama.
É esse o mote do protesto que acontece no centro de Natal e que toma conta da praça 7 de Setembro.
Onde estão concentrados a Assembleia Legislativa, Prefeitura e Tribunal de Justiça.
Protesto popular contra corrupção.
20140331-161509.jpg20140331-161535.jpg

20140331-162044.jpg

20140331-162153.jpg

31 de março de 2014 às 12:29

PT e PSD: sinal verde na proporcional federal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No X da questão que envolve PT e PSD, uma etapa a ser pulada, por estar sendo considerada resolvida: a coligação na proporcional para deputado federal.
O deputado federal Fábio Faria (PSD) e o estadual Fernando Mineiro (PT) se coligarão e entrarão na disputa para manter as duas cadeiras na Câmara.
Fábio se reelegendo e Mineiro ocupando a vaga da deputada Fátima Bezerra, candidata ao Senado.
*
O X da questão permanece na proporcional para etadual.

31 de março de 2014 às 12:28

Fábio Faria retorna hoje dos EUA mas Robinson só volta na sexta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E as conversas PSD-PT só deverão continuar na próxima semana.
É que o vice-governador Robinson Faria, que estava em Orlando, nos Estados Unidos, agora está em Miami.
E só desembarca no Brasil na sexta-feira.
Já o deputado Fábio Faria, que viajava com o pai, desembarca hoje em Brasília.
Para acompanhar a semana de trabalho na Câmara.

31 de março de 2014 às 12:27

Paquera de Betinho (?) [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Huummm…
Comversa de corredores da política dão conta de uma aproximação do PP do deputado Betinho Rosado, cunhado da governadora Rosalba Ciarlini (DEM) com o PSD de Fábio…na intenção de fechar coligação e facilitar a reeleição de Betinho, que, sozinho, terá que arrastar 250 mil votos para se reeleger.
Mas…
A conversa parece que ainda não saiu do tal corredor.
Tanto no PSD quanto no PT, ninguém ouviu falar nesse assunto.
Estaria o PP ainda piscando o olho…pra ver se alguém dá sinal?

31 de março de 2014 às 12:16

Reunião do PR com Henrique e Wilma terá representantes da indústria, comércio e serviços [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Será no sábado, a partir das 9 horas, no Versailles do Espaço América, em Natal, a reunião do PR que vai oficializar, para o partido, a indicação do nome do deputado João Maia para vice na chapa puxada pelo deputado Henrique Alves (PMDB).
Participarão os representantes do PR em todo o Estado, e representantes da indústria, comércio e serviços (setor do turismo).
Também estarão presentes o governadorável Henrique e a senadorável Wilma.

31 de março de 2014 às 12:14

João Maia sobre acordão: “Nós precisamos de união de forças, dêem a isso o nome que quiserem” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na entrevista que deu hoje cedo na 96FM, o vice do governadorável Henrique Alves, deputado João Maia, justificou o que ele e seus aliados vem chamando como ‘união de forças’, mas a oposição vem definindo como ‘acordão’.
“Não adianta chamar de acordão porque, quem quiser ficar isolado não vai resolver nada”.
Questionado sobre se a crítica seria para o PT, ele disse não estar fazendo críticas a ninguém.
“Nós precisamos de união de forças, dêem a isso o nome que quiserem”.
*
Para o vice de Henrique, a ‘união de forças’ é necessária para tirar o Rio Grande do Norte do estado de ‘enfermidade’.
Para João, tudo deve começar a partir da redefinição das relações do estado com o funcionalismo e os poderes.
“É preciso que os funcionários do Rio Grande do Norte façam as pazes com o governo. Nós precisamos que o Rio Grande do Norte faça as pazes com seu empresariado. E Henrique tem essa estatura. Ele é o terceiro homem da República”, justificou João, afirmando que o deputado-governadorável está amadurecido.
*
Sobre a aliança do PMDB com o PSB de Wilma de Faria, o presidente do PR disse não acreditar que o PSB nacional vete a aliança no RN.
“Eu, João Maia, não acredito que haja modificação nessa composição”.
E, respondendo ao questionamento sobre possibilidade de nova crise envolvendo a vaga de vice, disse não acreditar.
“Eu mesmo não tenho dúvida que uma das chapas a disputar o governo do Rio Grande do Norte seja essa: Henrique., João Maia e Wilma”.

31 de março de 2014 às 11:20

Permissionários do transporte alternativo se reúnem para discutir como enfrentar “fúria financeira do Seturn” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O sindicato dos transportes alternativos de Natal reúne hoje representantes dos movimentos sociais para uma assembleia marcada para às 15 horas, no Sindsaúde.
Na pauta do debate: “Aprovar ações e estratégias para enfrentar a fúria financeira do Seturn e conivência junto com os empresários de ônibus da Semob através da secretária Elequicina Santos”.
É o que está divulgando o representante dos permissionários do transporte alternativo, Pedro Neto.

31 de março de 2014 às 11:08

Campanha será “UFC eletrônica”, prevê leitor [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De um leitor antenado e participante de muitas das conversas que vão definindo o traçado da campanha política no Rio Grande do Norte:

“Essa vai ser uma UFC eletrônica e não uma campanha eleitoral. Será uma batalha onde serão medidos os telhados de vidro, pouco importando as propostas”.

31 de março de 2014 às 10:45

Marketing: Henrique fecha com Adriano de Sousa e Wilma com Alexandre Macedo [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O governadorável Henrique Alves (PMDB) e a senadorável Wilma de Faria (PSB) podem até caminharem juntos rumos às urnas de outubro.
Mas seguirão cada um com a sua estratégia de marketing.
Henrique bateu o martelo com o jornalista Adriano de Sousa, que vai comandar a propaganda eleitoral da chapa majoritária.
Wilma fechou com Alexandre Macedo.

31 de março de 2014 às 10:36

A já polêmica viagem de Henrique [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Campanha é campanha, não tem jeito.
E quando a campanha é do deputado Henrique Alves, aí não tem jeito mesmo.
O presidente da Câmara, basta tentar respirar mais profundamente em seus projetos políticos, para começar a ser atacado.
Parece uma coisa: ninguém perdoa Henrique.
Semana que vem ele embarca para a China.
Vai em missão da Câmara.
No Blog do Noblat (O Globo), mais do que a tal missão, vale a notícia da hospedagem do deputado no “suntuoso hotel Burj Al Arab, em Dubai, parada antes de chegar a Pequim.
O layout do hotel é famoso por lembrar uma vela de barco com 300 metros de altura.

Preço da diária das suítes luxuosas: US$ 1.700,00. Coisa para 4 mil reais.
De verba pública, o que é de direito: o valor da diária de US$ 550, pouco mais de mil reais.
O resto, do bolso dele.
Questionável o público.
O privado, o dinheiro é dele, e ele se hospeda no hotel que quiser.
O problema é que ele é candidato a governador…e tudo pega. E ninguém poupa. Vale tudo.

*
A nota diz que Henrique Alves e a comitiva irão à China a convite e, no país, terão as despesas de hospedagem e alimentação custeadas pelo governo chinês, segundo a Câmara.
O convite foi feito pelo Partido Comunista Chinês e incluiu, entre outras programações a visita à Assembleia Nacional Popular da China.
A comitiva sai do Brasil no dia 11 de abril e retorna no dia 19.
No ano passado, o presidente Henrique Alves recebeu uma comitiva de políticos chineses em Brasília.

20140331-103642.jpg

31 de março de 2014 às 9:23

Henrique e João Maia no café da manhã [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na última entrevista que deu a uma emissora de rádio, quando assumiu a posição de indicado para vice na chapa do governadorável Henrique Alves, o deputado João Maia foi literalmente rifado pelos aliados.
Sem ter sido comunicado, João teve o nome trocado por um possível indicado do PDT.
Passada a crise, pazes feitas, aliança refeita, candidatura anunciada – com João na vice como bem ficou explicado no evento do PMDB-PSB – o deputado João Maia dá outra entrevista em rádio.
Esteve hoje cedo na 96FM.
Voltou a confirmar sua posição de indicado para vice, agora, segundo ele, consolidada.
Mas…
Talvez para não repetir a crise do pós-entrevista, e vendo que o zum-zum-zum em torno da chapa dá conta da possibilidade de atração ao PSD com Robinson Faria ou Fábio Faria na vice…é que Henrique e João estão conversando agora.
No apartamento do candidato a governador.

31 de março de 2014 às 8:52

Temendo a CPI da Petrobras, PT desmancha candidaturas em vários estados em favor do PMDB [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Do portal A Tarde (Estadão), neste domingo:

PT CEDE EM ESTADOS DE OLHO NA CPI DA PETROBRAS

A iminência da abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar irregularidades na Petrobrás levou o Palácio do Planalto e o comando da campanha à reeleição da presidente Dilma Rousseff a começar um processo de reaproximação com o PMDB, após semanas de uma intensa disputa política com o principal aliado. O objetivo é consolidar apoios no Congresso Nacional que ajudem a blindar Dilma durante a investigação. Em troca, o PT cede espaços na elaboração dos palanques regionais.
O primeiro caso a ser revisto foi justamente onde as negociações estavam mais complicadas: Ceará.
No Estado, a crise na Petrobrás pôs fim à disputa de meses entre os irmãos Cid e Ciro Gomes e o senador Eunício Oliveira (PMDB), que reivindicava o direito de disputar o governo.
Eunício, que chegou a ser convidado para assumir o Ministério da Integração Nacional para abrir caminho para os irmãos Gomes, rejeitou a oferta feita por Dilma e afirmou que só aceitaria a candidatura ao governo.
Passou, desde então, a frequentar todas as reuniões de grupos dissidentes. Mas os problemas na estatal aceleraram a solução. Com o aval da presidente, ele será o candidato da base.
*
A crise na Petrobras também deverá empurrar o PT do Maranhão para uma aliança com o senador José Sarney (PMDB-AP) e com a governadora Roseana Sarney (PMDB).
Na Paraíba, a ordem é levar o PT para o PMDB do senador Vital do Rêgo. Dilma decidiu que o PT deverá apoiar o candidato Veneziano do Rêgo, irmão dele, ao governo.
A CPI da Petrobrás deverá mudar também o quadro político em Goiás.
O PT havia decidido que só se aliaria ao PMDB se o candidato fosse o ex-governador Iris Rezende. Mas o partido passa por uma disputa interna, com favoritismo de José Batista Júnior, o Júnior da Friboi.
Há, nesse instante, uma pressão interna do PT para que o partido desista de lançar a candidatura do prefeito de Anápolis, Antonio Gomide, e apoie o nome do PMDB, mesmo que seja Júnior da Friboi.
Com essa estratégia das concessões nos Estados, o governo pretende reduzir os danos políticos que a CPI deverá causar.
O mais certo deles é que Dilma vai atravessar sua campanha presidencial precisando administrar as denúncias contra a Petrobras e as revelações que as investigações forem produzindo.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
*
Do Blog – Se a estratégia chegar ao Rio Grande do Norte, todo mundo sabe que todo mundo sabe o que o PMDB vai exigir do governo: a retirada da candidatura ao Senado da deputada Fátima Bezerra.