Thaisa Galvão

12 de maio de 2014 às 22:45

Qual eleito para o Governo agora vai facilitar a vida de Carlos Eduardo no futuro próximo? [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Até que ponto os primos deputado Henrique Alves (PMDB) e prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT) estão afinados na sucessão estadual, que tem o peemedebista como pré-candidato ao Governo?

Carlos, que chegou a se comprometer com a pré-candidatura do amigo-vizinho e vice-governador Robinson Faria (PSD) e com a pré-candidatura da deputada Fátima Bezerra (PT) ao Senado, deu uma reviravolta e anunciou: seus candidatos serão Henrique para o Governo e sua vice-prefeita Wilma de Faria (PSB) para o Senado.

Uma posição que parecia ter musculatura num primeiro momento, mas perde cada vez mais força no imaginário popular.

Ninguém acredita que Carlos Eduardo vá se empenhar na campanha de Henrique.

Ele, prefeito da Copa, com grandes responsabilidades e a justificativa de que não pode trocar o gabinete por um palanque, já que não é candidato, não terá grande participação na campanha.

Seu limite será o de tentar eleger, no berço da candidatura de Henrique, o seu ex-chefe de gabinete, Sávio Hackradt, deputado federal.

No contexto da candidatura de Robinson seria impossível eleger Sávio.

Fora isso…Carlos vai administrar Natal. Tocar obras, como ele mesmo tem se dito, um "prefeito tocador de obras".

*

Mas…

Qual eleição interessa ao prefeito Carlos Eduardo?

A de Henrique ou a de Robinson?

Com Henrique eleito governador, o sobrenome Alves congestionará o executivo potiguar.

Prefeito Alves mais governador Alves…poderá ser uma pedra no sapato do prefeito que quer ser candidato à reeleição em 2016, e sonha chegar ao Governo logo ali, em 2018.

Prefeito Alves, mais governador Alves, mais prefeito reeleito Alves…mais um outro Alves a caminho do lugar para onde irá querer se manter o Alves…

Isso não pode dar certo.

Henrique governador e candidato à reeleição, congestiona o caminho do prefeito de Natal.

Como Carlos vai fazer para ser candidato a governador em 2018?

Romper com Henrique?

Com a família…de novo?

Então, meu bem, não venha me dizer que o prefeito Carlos Eduardo morre de amores pela eleição do primo Henrique.

Ele quer a eleição de Sávio e o caminho para chegar a isso é se integrando ao poderoso grupo do deputado Henrique.

Ponto.

Porque…

Caso interessasse a Carlos Eduardo a eleição do primo, se fosse tão importante para ele como parece ser para Henrique, o prefeito já teria conversado com seus mais fiéis escudeiros na Prefeitura de Natal.

Não conversou.

E o que se sabe, e o que eles mesmo falam, é que estão livres, lindos e soltos para votarem em quem quiserem.

E nesse 'quem quiserem' podem estar Robinson Faria, Fátima Bezerra e até Rosalba Ciarlini.

Ou Henrique, se alguém entender que não precisa fortalecer o projeto de futuro do chefe-prefeito.

 

*

Com o sonho de ser candidato a governador em 2018, o prefeito Carlos Eduardo iria desalojar o primo Henrique, caso ele venha a ganhar a eleição em outubro?

A briga de família não cairia bem…de novo…

Iria desalojar o amigo-vizinho Robinson Faria, caso o eleito seja ele?

O que pouca gente sabe é que aí já existe um combinado, discutido no silêncio de uma varanda e com o mar de testemunha…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*