#JornalismoSemFakeNews

24 de setembro de 2014 às 11:09

Gargalheiras: a falta d`água e os recados da natureza

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Pela medição feita há pouco pelo técnico do DNOCS José Medeiros, o nível da água do açude Gargalheiras, em Acari, já está mais de 10 metros abaixo do nível da parede.

Um recorde, vez que o nível mais baixo registrado nos escaninhos do DNOCS, dá conta de 9,7 metros abaixo.

Diante da tristeza e das contas que se faz, expectativa de abastecimento até janeiro.

E o milagre da natureza: foi constatado que a qualidade da água hoje, é melhor do que três meses atrás.

 

Morador antigo de Gargalheiras, seu Goiano, que trabalhou na construção do açude, foi quem lembrou: faltou água quando o açude estava sendo construído.

E um japonês fez um estudo, e a partir desse estudo, foram abertos dois poços, com canos de 8 polegadas, na área de Gargalheiras onde hoje é a Prainha, constatando que, mesmo seca, a região tem um lençol freático bastante profundo.

O que leva a crer que, mesmo Gargalheiras secando, o subsolo estará com água, e que a solução, cara, seria o abastecimento através de poços.

Na semana passada, numa entrevista na Cabo TV, de Currais Novos, um técnico acenou para a possibilidade de 4 milhões de metros cúbicos de água no subsolo da área de Gargalheiras conhecida como Bulhões, já mais próxima de Currais Novos.

É a natureza dando seus recados, diante do desespero da população.

As fotos são de agora há pouco.

Fotos Chaguinha de Acari

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.