#JornalismoSemFakeNews

13 de abril de 2015 às 7:12

Governador afirma que Saúde é um grande desafio e nega saída do secretário Ricardo Lagreca

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na entrevista concedida ao Blog neste domingo, quando comemorou aniversário, o governador Robinson Faria negou o que chegou a ser divulgado como certo em seu governo: a saída do secretario de Saúde Ricardo Lagreca.

A ele o governador rendeu elogios pelo trabalho diante das muitas dificuldades enfrentadas pelo setor de Saúde.

 

Thaisa Galvão – Outro ponto bem difícil de se governar: a Saúde. Tem se reclamado que continua faltando medicamentos e materiais em hospitais. O que o governo está fazendo para minimizar problemas como esses?

Robinson Faria – Eu disse que não iria me acomodar, me trancar num gabinete e me esconder da realidade, e que faria no meu governo um gabinete itinerante e eu estou cumprindo a minha palavra. Primeiro prometi um governo técnico e cumpri, e segundo que iria visitar os hospitais e já visitei 12 hospitais do Estado, no interior e na capital, levando comigo toda a equipe da Saúde,  secretario e sua equipe, e em todos esses hospitais estão sendo feitos diagnósticos. Muitos estão com equipamentos sucateados, mamógrafos, aparelhos de raio X, equipamentos essenciais que estavam quebrados há vários anos e estamos recuperando vários deles, estamos voltando a equipar, mesmo com poucos recursos, esses hospitais, e quase que dobramos, mesmo com a situação financeira difícil, o custeio na Saúde. Na hora que você dobra o custeio significa dizer que terá mais remédio, mais equipamentos, e mais serviço.

Thaisa Galvão – E a Unicat? As pessoas estão cobrando seu pleno funcionamento.

Robinson Faria – A Unicat está dentro desse custeio, que quase que foi dobrado em nossa gestão.

Thaisa Galvão – Tem se falado que o secretario de Saúde, Ricardo Lagreca já teria ameaçado pedir o boné.

Robinson Faria – Pelo contrário, o secretario Lagreca está bastante motivado, é um excelente quadro, foi convidado algumas vezes para ser secretario mas nunca aceitou porque não vis os governos com perfis técnicos. Com a nossa opção por um governo técnico, o secretario Lagreca se sentiu motivado a fazer parte dessa equipe. E continua bastante motivado, fala comigo quase todos os dias, está uito entusiasmado, já está vendo a Saúde prosperar, já temos hoje o Walfredo Gurgel sem ninguém nos corredores, a imprensa deveria mostrar. Já temos hospitais do interior com grande parte recuperada, portanto não há motivo para o secretario Lagreca sair. É lógico que ainda temos muita coisa pela frente, mas a saúde, que é uma máquina cara, o estado tem 25 hospitais regionais, recuperar todos eles não é fácil, mas estamos recuperando, moralizando a gestão com honestidade para poder ter recursos para investimento. Essa é uma promessa que fiz na campanha e estou cumprindo, de recuperação dos hospitais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.