#JornalismoSemFakeNews

12 de junho de 2015 às 8:28

Dilma decide abrir congresso do PT, faz discurso às 11 da noite e pede apoio do partido

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

A presidente Dilma Rousseff desistiu de desistir de ir a Salvador para o congresso do PT.

Foi. Abriu. Enfrentou os protestos da CUT e de servidores contra a política econômica do ministro Joaquim Levy.

A eles, pediu que fizessem “a leitura correta da conjuntura”. 

“O PT é um partido preparado para entender que, muitas vezes, as circunstâncias impõem movimentos táticos para alcançar o objetivo mais estratégico, a transformação do Brasil em uma nação desenvolvida e mais justa”, disse a presidente, consciente que enfrenta uma oposição dentro do seu partido.

O próprio presidente do PT, Rui Falcão, bateu na política econômica do governo.

“Uma política econômica firme com os fracos e frouxa com os fortes”, definiu Falcão, afirmando ser inaceitável para a sigla.

Dilma, que havia anunciado que não chegaria da Bélgica em tempo de participar da abertura, acelerou a volta e conseguiu discursar às 11 da noite.

Pela hora, não conseguiu segurar 100% da plateia. Muitos saíram antes do ponto final.

O congresso do PT termina amanhã.

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.