Thaisa Galvão

27 de janeiro de 2016 às 23:41

Presidente e vice se encontram antes da reabertura dos trabalhos na Assembleia Legislativa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Terá início terça-feira, com a leitura da mensagem anual do Governo, pelo governador Robinson Faria, o ano legislativo na Assembleia do Rio Grande do Norte.

Nesta última quarta-feira entre o verão e o carnaval, com 3 dias de sessões na Assembleia, o presidente da Casa, Ezequiel Ferreira de Souza, e o vice Guatavo Carvalho, se encontraram.

Foi na praia de Pirangi, onde Gustavo recebeu Ezequiel.

Papo de verão, de trabalho e de política.

É que fevereiro está chegando com uma janela escancarada para troca de partidos, e tanto Ezequiel vai deixar o PMDB quanto Gustavo vai deixar o PROS.

O caminho a ser traçado pelos dois ainda é indefinido.

Mas pode ser o PSB.

Depende de como o partido ficar depois de sexta-feira.

  

27 de janeiro de 2016 às 17:58

Governo do RN segue a Prefeitura de Natal e salários de janeiro do funcionalismo serão pagos no dia 5 de fevereiro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois da Prefeitura de Natal anunciar que os salários do mês de seus funcionários serão pagos somente no dia 5 do mês subsequente, agora foi a vez do governo do Estado.

Hoje a Secretaria de Planejamento anunciou que a folha do Estado será paga nos dias 4 e 5.

27 de janeiro de 2016 às 17:23

Ator Caio Castro grava cenas de esportes radicais em Natal para o programa Rota InterTV [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ator global Caio Castro, que está em Natal gravando para o programa Rota, da InterTV Cabugi, com apoio da Secretaria Estadual de Turismo, estava há pouco na ponte Newton Navarro.

Todo pronto para um rappel negativo (descendo), o ator tinha à disposição uma ambulância do Corpo de Bombeiros.

Dois guardas de trânsito da STTU interditaram uma via da ponte no sentido litoral norte/praia do Meio.

Foto Thaisa Galvão

  

Hoje cedo o ator foi mergulhar no Batente das Agulhas, ponto de mergulho a duas horas de barco.

  
Ontem o ator gravou um salto de paraquedas na Lagoa do Bonfim.

  
Amanhã, com o apresentador Léo Souza, do Rota, o ator continua gravando pelo Rio Grande do Norte.

As imagens gravadas pelo programa local serão oferecidas ao Vídeo Show.

27 de janeiro de 2016 às 14:57

Além da lei seca, capitão Styvenson começa a atuar em busca de drogas, armas e carros roubados [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Do capitão Styvenson Valentim, ontem à noite na sua página no Facebook:
  

27 de janeiro de 2016 às 13:36

Triplo X: Dos 6 mandados de prisão a PF já cumpriu 3 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Na 22ª fase da Lava Jato, deflagrada hoje, a polícia recebeu 23 mandados judiciais para cumprir, sendo 6 mandados de prisão.

Até pouco antes das 13 horas, dos seis mandados de prisão temporária, três haviam sido cumpridos. 

Já estão presos Nelci Warken, Ricardo Honório Neto e Renata Pereira Brito.

Dos outros três – Maria Mercedes Riano Quijano, Ademir Auada e Luiz Fernando Hernadez Rivero – dois estão fora do país e um não foi localizado. 

Ainda há mandados em andamento.

A operação ocorre em São Paulo, na capital e em Santo André e São Bernardo do Campo, e em Santa Catarina, na cidade de Joaçaba.

Presa em São Paulo, Nelci Warken é publicitária e prestou serviços de marketing à Bancoop.

27 de janeiro de 2016 às 10:58

22ª fase da Lava Jato começa por investigação de cunhada do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Radar Online:
Cunhada de Vaccari foi marco zero de nova fase da Lava-Jato


Por Severino Motta
  
A nova fase da operação Lava-Jato começou após investigações e análises patrimoniais de Marice Corrêa de Lima, cunhada do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari.
Especificamente, as apurações tratavam de um imóvel que teve no condomínio Solaris e o envolvimento da OAS em transações com este imóvel.
Verificou-se que diversos imóveis nesse condomínio tinham situação suspeita quanto a sua real titularidade.
Dentre eles, estava um em nome da offshore Murray Holdings.
Investigações sobre quem abriu essa offshore levou a descoberta de um escritório de lavagem de dinheiro em São Paulo, a Mossack Fonseca.

27 de janeiro de 2016 às 10:46

Filho do prefeito de Acari é selecionado para fazer residência médica na USP [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito de Acari, Isaías Cabral, tem motivo de sobra para comemorar.

O filho Felipe, recém-formado em Medicina e laureado pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), foi aprovado para fazer Residência Médica na Universidade de São Paulo (USP).

  
Com informação e foto do blog de Romeu Dantas

27 de janeiro de 2016 às 8:54

Triplo X: 22ª fase da Lava Jato mira no triplex da OAS que pertenceria ao ex-presidente Lula [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Tem mais Lava Jato, que mira no polêmico apartamento do Guarujá, que pertenceria ao ex-presidente Lula.

O nome da operação é pra lá de sugestivo: Triplo X, numa referência ao apartamento triplex citado.
Do G1:
PF deflagra nova fase da Lava Jato que mira apartamentos da OAS
Suspeita é de que apartamentos serviram para empreiteira pagar propina. Entre os crimes investigados estão corrupção e evasão de divisas
Por Adriana Justi e Camila Bomfim

Do G1 PR e da TV Globo, em Brasília

A Polícia Federal (PF) cumpre a 22ª fase da Lava Jato na manhã desta quarta-feira (27) em São Paulo e Santa Catarina. Serão cumpridos 23 mandados judiciais, sendo seis de prisão temporária, 15 mandados de busca e apreensão e dois de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a prestar depoimento. 

Em São Paulo, a ação ocorre na capital, Santo André e São Bernardo do Campo e, em Santa Catarina, em Joaçaba.

Uma das pessoas presas é a publicitária Nelci Warken, que prestou serviços de marketing à Bancoop. 

Ela foi detida em São Paulo e levada para a sede da Polícia Federal na Lapa, Zona Oeste da capital paulista.

Esta fase da operação foi batizada de Triplo X e tem como alvo investigados suspeitos de abrir empresas offshores e contas no exterior para ocultar e disfarçar o crime de corrupção com o pagamento de propina.

A ação mira negócios da Bancoop relacionados a apartamentos que não foram entregues e estão de propriedade da empreiteira OAS, uma das investigadas na Lava Jato.

Um dos focos desta fase é a empresa Mossack Fonseca, utilizada para abrir offshores. 

A polícia apura se a empresa abriu offshores para esconder a propriedade de apartamentos que eram da Bancoop e depois foram assumidos pela OAS. 

Há uma suspeita de que unidades imobiliárias da Bancoop/OAS teriam sido utilizadas para repasse de propina no esquema de corrupção da Petrobras. 

Um desses apartamentos está no nome da empresa Murray, uma offshore aberta pela Mossak. A polícia apura indícios de fraudes na maneira como a Murray adquiriu o patrimônio. Uma linha de investigação aponta que o esquema ocultava os reais donos das offshores.

As unidades investigadas ficam em um condomínio no Guarujá onde a OAS tem um apartamento que, segundo investigações, seria destinado à família do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Um dos apartamentos investigados, segundo a PF, está ligado a familiares do ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) João Vaccari Neto. 

Vaccari, que já presidiu a Bancoop, foi foi preso pela Lava Jato em 2015 e está detido no Complexo Médico-Penal em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), a empreiteira OAS participava do chamado “clube” de empresas que, por meio de um cartel, fraudava as licitações da Petrobras. 

Para conquistar os contratos, as empresas pagavam propina a diretores da Petrobras e a partidos políticos, com a intermediação de operadores.

Entre os crimes investigados na atual fase estão corrupção, fraude, evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Oitenta policiais participam da ação.

A prisão temporária tem prazo de cinco dias e pode ser prorrogada pelo mesmo período ou convertida em preventiva, que é quando o investigado fica preso à disposição da Justiça sem prazo pré-determinado. 

Os presos serão levados para a Superintendência da PF, em Curitiba.

21ª fase

Deflagrada no dia 24 de novembro e batizada de “Passe livre”, a 21ª fase prendeu o pecuarista José Carlos Bumlai sob a suspeita de envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras.

O nome do empresário, que é amigo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, apareceu em depoimentos de colaboração premiada de Eduardo Musa, ex-gerente da Petrobras, e do lobista Fernando Baiano.

De acordo com o juiz Sérgio Moro, que autorizou a prisão de Bumlai, Eduardo Musa relatou que recebeu 720 mil dólares de propinas em depósitos feitos em conta na Suíça, com pagamentos feitos por Fernando Schahin, ex-executivo do grupo.

Além disso, o delator declarou que foi utilizado um argumento tecnicamente falso para o direcionamento da contratação da Schahin para operar o navio-sonda Vitória 10.000.

Baiano afirmou que Bumlai recebeu R$ 2 milhões em propina. O dinheiro, conforme colaboração premiada do lobista, era o pagamento em virtude da intermediação de Bumlai junto ao ex-presidente Lula para um contrato com a petrolífera.

Em novembro de 2015, Bumlai foi chamado a depor na CPI da Câmara para falar da suspeita de que teria intermediado empréstimo de R$ 60 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para o Banco Schahin, mas o pecuarista ficou em silêncio diante das perguntas dos deputados.

Bumlai conseguiu um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF) para exercer o direito de ficar calado.

O empresário está preso na carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba.

No dia seguinte, a PF também prendeu o sócio do banco BTG Pactual André Esteves. Ele é suspeito de planejar obstruir as investigações da Operação Lava Jato, de acordo com a Procuradoria-Geral da República (PGR). O banqueiro já foi o 13º mais rico do país e cumpre prisão domiciliar desde dezembro do ano passado.

Além dele, também foram presos o senador Delcídio Amaral (PT-MS), o chefe de gabinete dele, Diogo Ferreira, e o advogado Édson Ribeiro.

27 de janeiro de 2016 às 8:24

Aniversariante da 6ª feira, deputado Jacó Jácome festeja com evento em benefício de instituições que trabalham com dependentes químicos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Aniversariante da sexta-feira, 29, o deputado estadual Jacó Jácome (PMN) comemorou ontem com uma partida de futebol beneficente.

No estádio Frasqueirão, reuniu amigos dentro de campo e nas arquibancadas, e arrecadou cestas básicas para instituições que trabalham com dependentes químicos. 
“Agradeço a Deus pela família e pelos amigos aqui presentes, que colaboraram com donativos, auxiliando instituições”, disse o deputado ao lado do pai, o deputado federal Antônio Jácome (PMN) que também participou da partida de futebol.
As instituições ‘Semear’ e ‘Nova Aliança’ foram as escolhidas para receber as doações. 
  

27 de janeiro de 2016 às 7:56

José Dirceu vai falar: depoimento ao juiz Sérgio Moro será depois de amanhã [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A semana promete terminar quente. Mais quente do que o verão.

É que na sexta-feira, pela primeira vez o juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, vai ouvir o ex-ministro todo-poderoso do PT, José Dirceu.

Abandonado pelo amigo e confidente Lula, desde que teve o nome envolvido no mensalão, Dirceu também foi abandonado pelo resto do partido que fundou ao lado de Lula.

Em silêncio dentro de uma cela em um presídio de Curitiba, fadado a nunca mais conviver com a filha de cerca de 6 anos, Dirceu resolveu falar.

Em entrevista ao jornal O Globo, seu advogado diz que ele não vai entregar ninguém, que vai apenas se defender, mas admitiu que aí podem surgir nomes…

E é aí onde o PT treme nas bases.

  

A única coisa que o advogado de José Dirceu adianta é que seu cliente vai dizer que, ao contrário do que se dá como certo, não foi dele a indicação de Renato Duque para a diretoria de Serviços da Petrobras

 

O Blog sempre bateu na tecla de que Dirceu não é mais o mesmo resistente de anos passados e que não silenciaria até a morte para não prejudicar, por exemplo, o amigo Lula, que lhe abandonou.

É que Dirceu estava vivendo um momento de sua vida que poucos levaram em consideração.

Casado mais uma vez, teve uma filha, hoje com 6 ou 7 anos, e durante o período em que passou em prisão domiciliar, por condenação no mensalão, era ela a sua grande companhia. Com ela o ex-todo-poderoso aprendeu a assistir desenho animado na TV. Conhecia todos os personagens dos desenhos preferidos da filha com quem aprendeu também a ser pai. Com os outros filhos, já adultos, o ex-ministro não teve tempo, pois estava muito envolvido com o PT e outras cositas mas… 
Tirado de casa para uma cela em Curitiba, José Dirceu perdeu o convívio com a filha. Sabe que se um dia retomar, encontrará não mais uma criança, mas uma adulta com todos os traumas de quem teve o pai arrancado de casa.

Na cadeia, José Dirceu teve tempo para refletir. Inclusive sobre se vale a pena, em nome de um partido e de aliados que lhe entregaram às baratas, perder o que lhe garantiu momentos de felicidade nos últimos anos, mesmo estando preso. Se vale a pena condenar a filha a um castigo, em nome de quem lhe atribuiu o castigo de terminar os dias de vida calado dentro de uma cela.

Por isso continuo batendo na tecla de que, em nome da filha, e principalmente se vir, no fim do túnel, a luz de que poderá voltar à prisão domiciliar, José Dirceu pode falar mais do que se espera.

É aguardar.

O depoimento – o primeiro – será depois de amanhã.

27 de janeiro de 2016 às 7:08

Ministro Henrique Alves tenta convencer governo a não quebrar agências de turismo [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Ilimar Franco, n’O Globo:

  
  
Resumindo: até 6 anos atrás o governo cobrava um imposto sobre essas operações, mas nesses últimos anos decidiu isentar a cobrança. Agora quer voltar a taxar com uma alíquota equivalente a 25% do que cobrava à época. Henrique está trabalhando para que a alíquota seja equivalente a 6% do que era há 6 anos.

Para Henrique conseguir agradar agências de turismo e clientes, terá que agradar o governo, que diz que está sensível, num gesto político-interesseiro, mas bota a Receita Federal como porta-voz para cobrar os 25%.

Vamos ver se o ministro consegue.

Se não conseguir, certente muitas agências de turismo, que já tem a internet como concorrente, vai baixar suas portas.

O ministro está “otimista”.

27 de janeiro de 2016 às 0:56

Cai faturamento de empresa investigada  [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da coluna Época Expresso, na internet:

  
A Gráfica Brasil, da família do empresário Benedito de Oliveira, o Bené, vai de mal a pior. Por conta da investigação da Acrônimo, perdeu contratos milionários e agora só conta com cerca de 40 empregados.

*
Do Blog – Com a gráfica de Bené mal das pernas, a festa da padroeira de Acari, Nossa Senhora da Guia, poderá perder um apoiador.

É a gráfica de Bené que produz os folders de divulgação da programação da festa.

A mãe de Bené, já falecida, era acariense e mesmo depois que morreu, a família continuou imprimindo o material de divulgação da festa.

27 de janeiro de 2016 às 0:38

Soltando a voz com a vassoura na mão, vídeo de cantor de Martins faz sucesso no facebook [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quinquinha.
É assim que é conhecido Francisco, do município oestano de Martins, que faz trabalhos domésticos e, de vassoura na mão, solta a voz…
A bela voz flagrada pelo seu contratante, Júnior Carvalho, que gravou Quinquinha entoando o sucesso “Saudade” da banda XCalypso, que tem agora como parceira de Chimbinha, a mossoroense Thábata
No Blog, Quinquinha solta a voz.
A capela!
O vídeo já foi postado no facebook e fez sucesso