Thaisa Galvão

16 de fevereiro de 2016 às 21:53

Na disputa entre tucanos de São Paulo e Minas, sobrou para o tucano potiguar [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De um tucano antenado sobre o que motivou o senador Cássio Cunha Lima a procurar um novo comandante para o PSDB no Rio Grande do Norte:

É que o deputado Rogério Marinho, presidente de honra e filho do presidente do diretório, Valério Marinho, chegou ao PSDB pelas mãos do tucano José Serra, do grupo do governador paulista Geraldo Alckmin.

E o PSDB está hoje sob o comando do senador Aécio Neves.

Daí o nome de Marinho não ser visto com bons olhos pelo grupo Aecista.

Na briga do PSDB-São Paulo contra o PSDB-Minas, sobrou para o PSDB-Rio Grande do Norte.

Mas há quem garanta que Rogério já está se compondo com os tucanos mineiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.