Thaisa Galvão

19 de abril de 2016 às 12:54

Mineiro diz que sem os votos do PT, Fábio Faria e Beto Rosado não seriam deputados [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de oficializar o rompimento do PT com o governo do Estado, e entregar os cargos indicados pelo partido, o deputado estadual Fernando Mineiro (PT), até bem pouco tempo líder do governador Robinson Faria (PSD) na Assembleia Legislativa, disse há pouco, em pronunciamento, que o PSD “embarcou na canoa do golpe”.

Mineiro se referiu ao voto do deputado federal Fábio Faria (PSD) em favor do impeachment da presidente Dilma Rousseff.

Também citou o deputado Beto Rosado, do PP, partido que havia se comprometido com o governo, mas terminou votando pelo impeachment.

“Não fosse o voto do PT nós não teríamos hoje os deputados Fábio Faria e Beto Rosado”, declarou Mineiro, que passou a chamar o PSD e o PP de “traidores e golpistas”.

“Lamentável que quem ganhou a eleição se some agora aos derrotados de 2014… Depois que o PT contribuiu com a vitória do governador Robinson Faria e dos deputados Fábio Faria e Beto Rosado”, discursou Mineiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*