Thaisa Galvão

26 de julho de 2017 às 0:50

MP faz alerta a quem emprestou contas para lavar dinheiro no esquema da Semsur [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Ministério Público do RN está fazendo alerta às pessoas que forneceram contas bancárias para empresas ou envolvidos no esquema da Semsur que culminou na operação Cidade Luz que levou 13 pessoas para a prisão.

“Quem desejar se antecipar e mostrar que agiu de boa fé, que teve uma conta ou algum pagamento de boleto usado sem saber a real dimensão das irregularidades, que se apresente. Vamos aprofundar toda essa situação de lavagem”, afirmou o promotor da Defesa do Patrimônio Público, Giovanni Rosado.
De acordo com o promotor, até a próxima semana o MP irá apresentar as primeiras denúncias decorrentes da operação Cidade Luz e a investigação prosseguirá “para desvendar toda amplitude da associação criminosa que fazia uso de empresas relacionadas entre si, que monopolizavam os serviços de iluminação pública em Natal pelo menos desde o ano de 2013, mediante controle de mercado, corrupção de agentes públicos, peculato, lavagem de capitais, fraude nas licitações e contratações diretas”.
Até o começo da noite desta terça-feira, um mandado de prisão temporária ainda não havia sido cumprido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*