Thaisa Galvão

27 de outubro de 2017 às 1:14

Novidade imposta pela Unimed dá prejuízo a associados e lucro a laboratórios [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Novidade bem desagradável implantada pela nova gestão da Unimed.

Exames estão sendo reduzidos, numa estratégia que tem garantido prejuízo para os associados e lucro para laboratórios, já que as ‘regras’ atingem os exames laboratoriais.

Só essa semana o Blog recebeu duas reclamações.

Uma mulher grávida, a pedido do médico, como parte de acompanhamento necessário à gravidez, foi repetir um exame de Ferritina

Porém, a Unimed limitou a um exame a cada 3 meses.

Para uma mulher grávida, prejuízo para o pré-natal.

Sem querer interromper o acompanhamento, e ciente da necessidade do exame, a associadas barrada pela Unimed, pagou pelo exame.

Nesta quinta-feira mais um problema, dessa vez com um homem que, requisitado pelo médico, tentou fazer exames de prevenção de câncer.

Aí o absurdo da Unimed foi ainda mais absurdo.

O exame PSL, mesmo tendo mais de um tipo, só é autorizado um por dia.

Ou seja: o paciente tira sangue em um dia, e para fazer o que o médico pediu, tem que tirar sangue de novo no dia seguinte, com nova autorização da Unimed.

Palhaçada ou combinado?

E quem tem medo da furada de agulha e aproveita uma tirada se sangue para vários exames, como sempre aconteceu?

O leitor do Blog, ao ser informado que teria que voltar no dia seguinte, em mais um jejum, para mais uma furada, resolveu pagar pelo segundo exame: 72 reais

Aí que fica a pergunta:

Há um combinado?

Os laboratórios deveriam cobrar da Unimed a mesma postura de antes.

Porém…os pacientes acabam pagando e os laboratórios lucrando.

Um alerta para a Promotoria de Saúde do Ministério Público Estadual.

Nos laboratórios, a informação é que a novidade que traz prejuízos e incômodo aos associados, começou há 3 meses.

Abaixo a prova do exame pago pelo leitor…

A requisição do médico

Só um alerta: o mês de novembro chegando e a campanha ‘Novembro Azul’, de incentivo a exames para detectar câncer vai render um bom dinheiro a quem adotou, sem reclamar, esse novo modelo de tratar bem os clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.