#JornalismoSemFakeNews

23 de janeiro de 2018 às 11:06

Lava-jato: 5 são presos no Rio e SP

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Em mais uma fase da Lava jato, no Rio de Janeiro e em São Paulo, o ex-secretário de Obras Alexandre Pinto voltou a ser preso.

A operação de hoje teve como alvos, investigados sob acusação de pagamento de propina em obra do BRT TransBrasil.

Veja quem foi preso preventivamente no Rio:

-Alexandre Pinto, ex-secretário de Obras

-Vagner de Castro Pereira, ex-subsecretário municipal de Obras e presidente da Comissão de Licitações da secretaria

-Juan Luís Bertran Bittlonch, doleiro

Saiba quem foi preso temporariamente em São Paulo:

-Rui Alves Margarido, sócio da construtura Dynatest

-Eder Parreira Vilela, gerente administrativo da construtura Dynatest

A investigação é sobre um esquema de propinas envolvendo obras do BRT TransBrasil. O corredor exclusivo de ônibus articulado ligando o Centro ao bairro de Deodoro tem custo previsto de R$ 1,4 bilhão. Segundo os investigadores, o esquema de propina era comandado por Alexandre Pinto, e foram identificadas remessas ilegais de recursos ao exterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.