#JornalismoSemFakeNews

10 de dezembro de 2018 às 23:58

Acusado de tentar matar promotores de justiça vai a júri popular na manhã desta terça-feira

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Vai a júri popular a partir das 8 horas desta terça-feira, no Fórum Desembargador Miguel Seabra Fagundes, em Natal, o ex-servidor do Ministério Público do Rio Grande do Norte, Guilherme Wanderley Lopes da Silva.

Ele é acusado de tentar matar a tiros, em março de 2017, o então procurador-geral do Estado, Rinaldo Reis Lima, o procurador adjunto Jovino Pereira da Costa Sobrinho e mais o promotor de Justiça, Wendell Beetoven Ribeiro Agra.

Guilherme, que disparou contra os 3 dentro do próprio MP, acertando somente em Jovino e Wendell, está preso na Unidade Psiquiátrica de Custódia, no Complexo Penal João Chaves.

O julgamento foi marcado pelo juiz Geomar Brito Medeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.