Thaisa Galvão

23 de fevereiro de 2019 às 10:11

Articulação deixou Eleika Bezerra, única vereadora ‘Educadora’ da Câmara de Natal, fora da comissão de Educação [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Quem circula pelos bastidores da Câmara Municipal de Natal, enxerga de longe a insatisfação da vereadora Eleika Bezerra com a forma como foi definida a nova composição da Comissão de Educação, da qual ela, como especializada no assunto, sempre integrou.

Como a Câmara reduziu de 17 para 10 o número de comissões temáticas, Educação, que tinha sua própria comissão, e era presidida por Eleika, passou a ser Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia e Inovação.

E foi a tal da Tecnologia que despertou interesses e um boicote à vereadora especializada em Educação.

Nos bastidores do outro lado do gabinete de Eleika, muito se falou em ‘intransigência’ por parte da vereadora para tocar a comissão.

O fato é que a única educadora da Casa ficou fora da Comissão especializada.

Inicialmente foi boicotada, e por isso se negou até a participar do processo de escolha dos nomes e votação para definição de presidente e vice.

Como responsável, no âmbito do legislativo municipal, pela realização da Campus Party em Natal, evento de pura tecnologia, o vereador Sueldo Medeiros articulou para ser presidente e conseguiu.

O vereador Robson Carvalho também alegou ligação com a tecnologia da Campus Party e se tornou membro.

Veja como foi formada a Comissão:

Sueldo Medeiros – presidente

Fúlvio Mafaldo – vice-presidente

Bispo Francisco de Assis – membro

Robson Carvalho – membro

Ary Gomes – membro

E a Comissão de Educação terminou sendo formada sem a presença de um Educador.

Seria aceitável se a Câmara não tivesse.

Mas a Câmara tem.

Uma resposta para “Articulação deixou Eleika Bezerra, única vereadora ‘Educadora’ da Câmara de Natal, fora da comissão de Educação”

  1. Rosário Carvalho disse:

    Perplexidade, meu sentimento com esta notícia. E sem mais palavras porque a perplexidade é paralizante diante de situação tão inexplicável. Minha total solidariedade a senhora, vereadora professora Eleika.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*