Thaisa Galvão

31 de janeiro de 2020 às 14:06

Karla Veruska é o nome do Avante para disputar a Prefeitura de Natal e poderá ter o vereador Luiz Almir como vice [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como era de se esperar, o nome do Avante para disputar a Prefeitura de Natal é o da ex-candidata a deputada federal e presidente do partido, Karla Veruska.

O que não se esperava era que a candidatura já nascesse com chapa formada.

O nome do vereador Luiz Almir, que estava filiado ao Avante mas está sem partido, é o que surgiu nas bases do grupo político comandado pelo vereador Raniere Barbosa, marido de Karla e pré-candidato à reeleição.

“Independência” é a palavra pregada por Raniere, que ao lançar a candidatura da mulher, acena para um embate com o prefeito Álvaro Dias e com a governadora Fátima Bezerra, já que Álvaro embora não confirme, vai disputar reeleição, e o PT da governadora já adiantou que terá candidatura própria.

Embate ou aliança?

Há quem diga que dpendendo do que for conversado, o nome de Karla poderá surgir como potencial vice.

De Álvaro ou do PT?

Karla Veruska tem um cargo de secretária adjunta no Governo de Fátima.

31 de janeiro de 2020 às 13:32

Grupo potiguar A.Gaspar constrói ponte estaiada no Pará em 9 meses [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Contrutora do Rio Grande do Norte, a A.Gaspar, do engenheiro Arnaldo Gaspar, entrega hoje com o Governo do Pará, uma ponte estaiada.

Construída em 9 meses.

Estão no Pará para a entrega, além de Arnaldo, os filhos Arnaldo Júnior e Sérgio Gaspar.

O vídeo do Governo do Pará mostra a ponte/

31 de janeiro de 2020 às 11:46

Governo marca nova reunião com forum de servidores para continuar discussão sobre previdência [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A equipe econômica do Estado vai voltar a se reunir com o Forum dos Servidores no dia 5 de fevereiro para continuar a discussão sobre a reforma da Previdência.

“Voltaremos a tratar com os servidores para buscar a melhor proposta. Mas lembro que temos prazo para enviar a reforma para análise e aprovação pela Assembleia Legislativa”, explicou o chefe da Casa Civil, Raimundo Alves.

“Em breve apresentaremos um novo estudo e voltaremos a discutir com o Fórum dos Servidores”, reforçou a secretária de Administração Virgínia Ferreira.

31 de janeiro de 2020 às 11:40

Presidente do Ipern explica que sem reformar Previdência o RN fica impedido de receber recursos federais [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Governo do RN reuniu o Forum dos Servidores para apresentar o projeto de reforma da Previdência e explicar que se as medidas não forem aprovadas pela Assembleia Legislativa até março, o Estado ficará impedido de receber repasses e firmar convênios com a União.

O Forum teve acesso à minuta da proposta de emenda à Constituição que visa corrigir as distorções e o déficit na previdência estadual.

Mas as novas alíquotas de contribuição dos servidores ainda estão sendo definidas.

Foto Ivanízio Ramos

Para o presidente do Instituto de Previdência do Estado – IPERN, Nereu Linhares, não há dúvidas sobre a necessidade de reformar a previdência.

“Em todo o mundo a previdência precisa ser revisada periodicamente por que o mecanismo se baseia no tempo médio de vida e no valor da contribuição, que são variáveis em todos os sistemas e precisam ser ajustadas”, explicou Nereu.

“O Estado precisa se adequar às normas federais para receber o Certificado de Regularização Previdenciária – CRP. Sem o CRP o Estado fica impedido de receber repasses financeiros, firmar convênios e obter aval para empréstimos”.

“Dizer que a nossa proposta é mais onerosa que a da União é impróprio. A nossa impacta bem menos junto ao contribuinte”.

“A proposta apresentada para o nosso Estado não é pior que a do Governo Federal”.

30 de janeiro de 2020 às 15:49

Fátima e Raimundo com o pré-candidato a prefeito de Riachuelo Júnior Colaça [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Raimundo Fernandes e a governadora Fátima Bezerra se encontraram nesta quinta-feira no Comando da Polícia Militar.

Foi durante solenidade de promoção de militares pelo Governo do Estado.

Com Raimundo estava o pré-candidato a prefeito de Riachuelo, Júnior Colaça, que conta com o apoio da governadora na campanha.

Fátima e Raimundo andam afinados e Colaça deverá ter o apoio da governadora.

30 de janeiro de 2020 às 12:14

Governadora Fátima entrega escolas reformadas em Currais Novos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra foi a Currais Novos nesta quarta-feira para entregar as escolas estaduais Tristão de Barros e Ester Galvão, que passaram por reformas.

O investimento de 7 milhões de reais foi do Governo Cidadão, via acordo de empréstimo junto ao Banco Mundial.

A inclusão das duas escolas de Currais Novos no programa de reformas foi feito pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira.

Fátima foi visitar as escolas que agora tem novas salas de aula, laboratórios, salas de recursos multifuncionais, biblioteca e quadras poliesportivas cobertas. Os investimentos são aplicados pelo projeto Governo Cidadão, via acordo de empréstimo junto ao Banco Mundial.

“Tivemos todo o empenho para garantir a reforma e que o ano letivo fosse iniciado com a obra concluída. É uma importante conquista para a educação de Currais Novos ter nas escolas um ambiente acolhedor e digno, com estrutura moderna”, afirmou a governadora.

“Muito importante destacar o papel do deputado Ezequiel Ferreira na luta para incluir as escolas no pacote de reformas. Essas obras são parte dos sonhos da juventude que não abre mão da educação de qualidade e da escola pública fortalecida. Aqui estão o presente e o futuro de Currais Novos”, completou Fátima.

Atualmente 15 escolas estão passando por obras de reforma e ampliação com recursos do acordo de empréstimo.

Fotos Elisa Elsie

 

30 de janeiro de 2020 às 11:59

Retrato atual do INSS: Idoso de mais de 100 anos viaja 40 km e não é atendido em Currais Novos [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Retrato do INSS no Governo Bolsonaro, depois da reforma da Previdência.

Depois de viajar 40 quilômetros de Florânia a Currais Novos para ser atendido, como agendado, Seu José Eleotério de Morais, que tem MAIS de 100 ANOS, teve que voltar para casa sem fazer a perícia.

O sistema estava fora do ar.

O idoso solicitou um acréscimo ao qual tem direito, de 25% sobre seus vencimentos como aposentado por invalidez, para pagar despesas com a saúde debilitada.

O INSS marcou a perícia e exigiu a presença do idoso mesmo sabendo que ele não mora na cidade.

O procedimento foi remarcado para o dia 14 de fevereiro, novamente com a exigência da presença de Seu José Eleotério.

O caso do idoso de Florânia é apenas um dos milhares que retratam o caos no atual modelo do INSS, onde a população nem consegue fazer perícia e muito menos se aposentar.

30 de janeiro de 2020 às 11:43

Passagem de ônibus vai subir em Natal e frota continua ruim [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Vem aí novo aumento de tarifa de ônibus em Natal.

As contas já estão sendo feitas e apontam para um desequilíbrio econômico-financeiro.

A qualidade dos ônibus continua a mesma.

Em desequilíbrio com as necessidades da população.

30 de janeiro de 2020 às 11:24

Secretário é demitido por usar jatinho da FAB que ministros usaram mais de mil vezes em 2019 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-número 2 da Casa Civil, Vicente Santini, pagou o pato porque usou um avião da FAB para ir trabalhar na Índia.

É que o Governo Bolsonaro prega uma moralidade que auxiliares não podem usar os aviões públicos e tem que viajar em aviões de carreira.

Masss…

Levantamento feito pelo G1 mostra que os ministros de Jair Bolsonaro fizeram 1.060 viagens em jatinhos da Força Aérea Brasileira (FAB) durante o primeiro ano de governo, em 2019.

No total, as autoridades solicitaram um jatinho da FAB a cada 8 horas e passaram mais de 2 mil horas no ar.

O motivo mais frequente para solicitar o uso das aeronaves é “serviço”.

Os recordistas de voos são Osmar Terra (Cidadania), Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e Ricardo Salles (Meio Ambiente).

Em apenas um ano, Terra fez 113 viagens; Araújo, 104; e Salles, 93.

A média é de 48,2 voos por ministério em um ano.

Confira os números do G1:

 

30 de janeiro de 2020 às 8:49

Bolsonaro exonera duas vezes auxiliar que usou privilégios em serviço mas mantém nos cargos secretário e ministro investigados por corrupção [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Jair Bolsonaro demitiu o número 2 da Casa Civil, Vicente Santini, por ter usado um avião da FAB em setviço numa viagem à Índia.

Santini é amigo dos filhos de Bolsonaro, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), e os dois ajeitaram para ele não ficar sem emprego e Santini foi nomeado para outro cargo, sem nenhum perda já que o salário seria praticamente o mesmo – somente cerca de 350 reais menos do que recebia como número 2 da Casa Civil.

A imprensa divulgou a pouca vergonha e agora Bolsonaro fala em exonerar de novo o amigo dos filhos, que ele mesmo nomeou.

Indignado com a nomeação patrocinada por ele mesmo.

Maaaasss…

Bolsonaro não fala em exonerar o secretário de Comunicação, Fábio Wajngarten nem o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, o primeiro, investigado por beneficiar a própria empresa com dinheiro público que ele mesmo controla e o segundo, indiciado pela Polícia Federal por chefiar o esquema de candidaturas laranjas do PSL.

Como também não emitiu nenhum tom de seriedade nas invextigações de Fabrício Queiroz, apontado como operador do filho Flávio no esquema de rachadinha no gabinete dele quando era deputado estadual.

Foi um deslize qualquer…Bolsonaro vai lá e demite e fica esperando as palmas e ser chamado de mito.

Mas os casos de corrupção, acumulados na porta do gabinete presidencial ou na porta de casa mesmo, o presidente faz que não é com ele, e nem se incomoda de ser chamado de mico.

29 de janeiro de 2020 às 22:30

Jornalista Octavio Santiago assume comando da comunicação do TRT/21 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Mudança no comando da Comunicação do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região, em Natal.

Na gestão do presidente desembargador Bento Herculano, assumirá o jornalista Octavio Santiago.

Inteligente e cheio de ideias, Octavio está sendo cedido – sem ônus – pela Assembleia Legislativa, de onde é servidor concursado, para ocupar o cargo no TRT, onde tomará posse segunda-feira, dia 3.

Octavio substitui o jornalista Ciro Pedroza, que permanece no Tribunal de onde é servidor concursado.

Já no diário eletrônico da AL a cessão de Octavio.

Estudando “belos textos” na faculdade paulista

29 de janeiro de 2020 às 22:15

Furo: Blog saiu na frente ao noticiar que Regina Duarte diria Sim nesta quarta-feira a Jair Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Como o Blog deu em primeira mão às 11h05 desta quarta-feira, Regina Duarte disse sim ao presidente Jair Bolsonaro e vai assumir a Secretaria Especial de Cultura.

Fonte do Blog viajou na poltrona atrás da atriz de São Paulo a Brasília, e ainda no aeroporto de Congonhas, onde ela embarcou, ela já falava como auxiliar do Governo.

Eis a nota.

Portais nacionais como o Antagonista publicaram a chegada dela a Brasilia depois do meio dia, mas sem adiantar que ela aceitaria o convite.

29 de janeiro de 2020 às 16:47

Lei das PPPs leva os deputados João Maia e Arnaldo Jardim a cumprirem agendão em SP e RJ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal João Maia, que preside a comissão especial que trata da criação da nova lei de concessões, tem afinado o discurso do novo marco regulatórios das PPPs com o relator do projeto, deputado Arnaldo Jardim.

Os dois montaram uma agenda que reforçam que a nova lei passará pelas cabeças que pensam o Brasil, e não somente os interesses de grupos privados.

Confira a agenda pel reportagem abaixo:

Reuniões tentam afinar Projeto de Lei de Concessões aprovado na Câmara

Dimmi Amora, da Agência iNFRA

Reuniões ao logo de toda a semana entre o presidente e o relator da comissão especial da Câmara que analisa a reforma do marco legal de concessões e PPPs (parcerias público-privadas), deputados João Maia (PL-RN) e Arnaldo Jardim (Cidadania-SP), e representantes de diferentes áreas do setor privado, buscam refinar o substitutivo ao PL 7.063/2017 do Senado, que foi aprovado no fim do ano passado, mesmo com oposição do Ministério da Economia.

O acordo com o governo foi que haveria a aprovação pela comissão, mas que melhorias poderiam ser feitas no projeto na fase de votação no plenário da Câmara, o que o relator quer realizar ainda no primeiro semestre deste ano.

Segundo Jardim, na segunda-feira (27) foram realizados encontros com associações que representam grandes setores da infraestrutura como Abidb, Abimaq, Abicom, ABCR, CBIC, ANTF, Abifer, Sinicesp e Brasinfra.

Em outro encontro, os parlamentares foram à FESP-SP para ouvir sugestões apresentadas por alunos e professores do MBA em PPP e Concessões, curso que é realizado na entidade.

Houve ainda encontro com grandes escritórios de advocacia que trabalham no setor de infraestrutura e com o ex-ministro José Roberto Mendonça de Barros.

Na terça-feira (28) os parlamentares tiveram reuniões com o ex-ministro Delfim Netto, com representantes do Insper e com fundos de investimentos, bancos e financiadores, representados pela Anbima.

Na quarta-feira (29) os encontros foram no Rio de Janeiro.

Foram conversas com representantes da Fundação Getulio Vargas e com os ex-presidentes do Banco Central Carlos Langoni (governo Figueiredo) e Armínio Fraga (Governo Fernando Henrique); e a ex-secretária de Desestatização do governo Fernando Henrique, Elena Landau.

Melhor panorama

Segundo Jardim, a intenção é ter o melhor panorama possível de contribuições de juristas, economistas e entidades do setor de infraestrutura para fazer aprimoramentos no projeto de lei.

“O que percebemos é que há em todos vontade de contribuir com a melhoria do projeto com sugestões, mas uma simpatia muito grande pela sua aprovação”, disse Jardim.

Garantias

Entre as sugestões já apresentadas de aprimoramento, Jardim cita o capítulo de garantias da proposta, em que os representantes de entidades querem que fique mais claro o que são as condições para que sejam revertidas. Também pedem maior detalhamento no capitulo de caducidade das concessões.

Outro pedido de mudança foi em relação às concessões que tiverem outorga. Um artigo previa que os valores fossem revertidos para um fundo a ser usado para investimentos no próprio setor, mas os representantes ouvidos pediram uma maior flexibilidade nessa regra, já que nem todas as áreas necessitam da destinação de recursos de outorga.

Esse foi um dos pontos que mais incomodou o Ministério da Economia no projeto aprovado pela comissão, já que haveria pressão para que recursos arrecadados em outorgas deixem de ser destinados ao Tesouro Nacional. Nos últimos dois anos, as outorgas têm sido um dos principais recursos atípicos usados para reduzir o déficit primário nas contas públicas.

Propostas do governo

Na semana passada, representantes do governo estiveram reunidos com diretores de agências para tratar do PL das Concessões. O governo quer contribuições de todos os órgãos para aprimorar o projeto, não somente na questão das outorgas, mas também em outras áreas.

Os setores de energia e petróleo estão mais preocupados com as mudanças, já que o atual marco legal tem sido suficiente para a realização dos investimentos privados nesses setores. Já as áreas de transportes e infraestrutura urbana têm mais necessidade de mudança no atual marco.

O combinado entre as lideranças do governo na Câmara e os deputados que comandam a comissão é que o governo vai apresentar na segunda quinzena de fevereiro uma contribuição consolidada para ser analisada pelos deputados antes da votação em plenário.

29 de janeiro de 2020 às 16:18

Regina Duarte fala como secretária, não confirma se aceitará convite e diz a fã que não vai morar em Brasília [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A atriz Regina Duarte chegou a Brasília para se reunir com o noivo, presidente Jair Bolsonaro.

Na chegada não confirmou aos jornalistas se teria aceitado ou não o convite para assumir a Secretaria Especial de Cultura.

Ela disse que ainda há um protocolo a ser seguido e que não poderia falar mais sobre o assunto.

No voo 3700 da Latam, entre Congonhas e Brasília, ela conversava com a assessora como secretária.

Porém, quando desembarcou no aeroporto de Brasília e foi para a esteira pegar a bagagem – sem tamanho de mudança – foi questionada por uma senhora que lhe perguntou se ela estaria indo morar em Brasília.

“Não”, foi a resposta da atriz, segundo a fonte que viajou na poltrona atrás da “noiva” do Governo.

De repente…

Esse protocolo que ela falou, mas do qual se recusou a falar, pode ser a questão da moradia…

Brasília em definitivo pode não estar nos planos de Regina Duarte.

29 de janeiro de 2020 às 11:05

Regina Duarte conversa com assessora em voo da Latam sobre o Sim que dará ao presidente Bolsonaro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Fonte boa é essa.

Leitor do Blog acaba de embarcar no voo Latam 3700, em Congonhas, São Paulo, com destino a Brasília.

Na poltrona da frente, 1B, está sentada a atriz Regina Duarte, acompanhada de uma assessora.

As duas só entraram no avião depois que todo mundo já estava acomodado.

Na bagagem, pelo que está escutando a fonte, Regina Duarte leva um Sim para o presidente Jair Bolsonaro.

Regina Duarte será a secretária nacional de Cultura, e consequentemente será desligada da TV Globo.

O noivado vai virar casamento ainda hoje.

29 de janeiro de 2020 às 7:58

Álvaro garante não renunciar ao mandato para ter apoio de Carlos Eduardo Alves que quer disputar o Governo em 2022 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O que faz o prefeito de Natal, Álvaro Dias declarar que, se reeleito, não renunciará ao mandato dois anos depois para ser candidato a governador?

Ora, um acordo com o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves.

Carlos apoia sua reeleição – ou pelo menos fica quieto e não fabrica outra candidatura, como quase fazia com o deputado Hermano Morais – e sendo reeleito Álvaro não disputará o Governo, apoiando, ainda na função de prefeito da capital, a terceira candidatura de Carlos ao Governo do Rio Grande do Norte.

Um acordo muito mais de ‘não me atrapalhe’ do que de ‘me ajude’, já que não se vê nenhum entusiamo do ex com o atual prefeito.

29 de janeiro de 2020 às 7:46

Álvaro Dias promete cumprir 4 anos e não renunciar para disputar Governo se for reeleito prefeito de Natal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias não confirma se será candidato à reeleição.

Não confirma com essas palavras, mas, deixa claro em todo instante que seu plano não é terminar a gestão no final do ano e ir para casa.

Em entrevista que nos concedeu no Jornal da Noite, na 95MaisFM, Álvaro disse que se for reeleito, cumprirá os 4 anos de mandato e não renunciará para ser candidato a governador como tem se dito.

Tipo…não fará o que Carlos Eduardo Alves fez, que renunciou à Prefeitura e não se elegeu governador.

Perguntei se ele estava certo do que dizia e lembrei que Carlos Eduardo também prometeu isso mas não cumpriu.

Álvaro disse que cumpre.

*

Lembrando aqui a promessa não cumprida de Carlos Eduardo: quando decidiu que seria candidato, renunciando ao mandato de prefeito, foi cobrado pelo deputado Kelps Lima que espalhou outdoors pela cidade exibindo o twitter de CE, onde ele dizia que INAPELAVELMENTE cumpriria os 4 anos na Prefeitura.

29 de janeiro de 2020 às 3:42

Indicado de Hermano ao prefeito Álvaro Dias pede para sair [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O prefeito Álvaro Dias disse, em entrevista que nos foi concedida nesta terça-feira, no Jornal da Noite, na 95MaisFM, que exonerou, a pedido dele, o adjunto da Secretaria de Administração, Carlos Morais.

Morais foi indicado pelo deputado Hermano Morais, que definiu que será candidato a prefeito de Natal, e virou adversário do prefeito do prefeito Álvaro.

Segundo Álvaro, a decisão foi do próprio Carlos e ele lamentou a saída dele da gestão.

28 de janeiro de 2020 às 16:52

Presidente do STJ libera divulgação do resultado do Sisu [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Liberado o resultado do Sisu.

O presidente do STJ, ministro João Otávio de Noronha, atendeu ao pedido do governo federal e liberou a divulgação dos resultados do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e os próximos passos do processo seletivo com base no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019.

Na sexta-feira (24), a Justiça Federal em São Paulo havia determinado que o processo deveria ser suspenso assim que se encerrassem as inscrições para concorrer a vagas em universidades públicas – o prazo terminou na noite deste domingo (26).

Com a decisão de Noronha, o governo poderá divulgar o resultado do Sisu e deve definir novas datas para o Prouni.

28 de janeiro de 2020 às 16:47

Previdência – Virgínia Ferreira acena com reforma estadual menos cruel do que a federal: “Governo de Fátima não quer penalizar os que sempre pagaram pelos desmandos do Estado” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Fátima Bezerra começa o ano enfrentando pauta pouco simpática, porém necessária, que é a reforma da Previdência.

Vai conversar muito, e isso tem sido a marca de sua gestão, onde as diversas categorias de servidores públicos tiveram acesso a discussões como nas questões relativas a pagamento de folhas deixadas em atraso e a elaboração do calendário de pagamento.

“Estamos sempre levando para a mesa de negociação os assuntos cruciais para os servidores públicos”, explicou a secretária de Administração do Estado, Virgínia Ferreira, analisando o “grave desequilíbrio” no quadro funcional da administração estadual.

O número de servidores inativos e pensionistas nos quadros do Estado é superior ao número de servidores ativos, gerando o déficit previdenciário. “É menos de um servidor ativo contribuindo para o pagamento de um inativo”, contabilizou a secretária, que já prevê que o movimento sindical não estará do lado do Governo, mas que o Executivo fará de tudo para mostrar que a reforma do Estado do Rio Grande do Norte terá efeitos mais amenos do que a reforma do governo federal que já foi aprovada e já está em vigor.

 

“É impossível uma reforma justa para todos, e o desafio do governo está sendo em reduzir os danos. Temos ainda muitos servidores com salários atrasados e uma crise fiscal para superar. Todos que fazem o Governo da professora Fátima devem vestir a camisa da Reforma porque ela é crucial para amenizarmos a trágica herança que recebemos. Formamos um grupo e devemos estar unidos. Ninguém pode se omitir. Desconheço um governo que esteja dialogando exaustivamente como o nosso”, ressaltou Virgínia.

 

A proposta de reforma do Governo será apresentada nesta quinta-feira (30) ao Fórum dos Servidores antes de ser encaminhada à Assembleia Legislativa.

“Neste momento é de suma importância que todos se apropriem do conteúdo da Reforma, dos benefícios que ela trará e, sobretudo, que defendam o Governo Fátima”, disse a secretária.

“No Governo Estadual não dispomos da Seguridade Social Superavitária. A Previdência Social é um dos tripés da Seguridade Social, juntamente com a Saúde e Assistência Social, e foi uma das principais conquistas da Constituição Federal de 1988. O Sistema Estadual é completamente diferente. E todos sabem da nossa história. Dos saques da Previdência, do déficit da Previdência, mas, o Governo da Professora Fátima não quer penalizar os que sempre pagaram pelos desmandos do Estado”, defendeu Virgínia Ferreira.

 

Segundo a secretária, a reforma do Governo do Rio Grande do Norte não irá penalizar as mulheres e terá uma regra de transição e regras de pensão menos rígidas. “Tudo a ser apresentado, primeiramente aos servidores”, adiantou Virgínia.

“É certo que a greve foi declarada. É um direito que nós, como gestores e defensores da democracia, respeitamos. Mas estamos governo e temos que agir como governo”, explicou a secretária de Administração do Estado.