Thaisa Galvão

11 de maio de 2020 às 12:04

Polícia do Rio de Janeiro encontra 300 mil reais na casa de vereador do DEM envolvido em fraude de respiradores [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A bandidagem da política brasileira não tem jeito mesmo…

O povo morrendo e gente ganhando dinheiro com a desgraça.

Pior que um desgraçado desse não se toca que um parente muito próximo pode pegar o vírus e não dispor de uma UTI para se tratar.

Mas a ganância é maior do que o respeito à vida.

Olhe o caso desse vereador do DEM do interior do Rio de Janeiro, estado que está anunciando confinamento total para tentar evitar mais pessoas nos hospitais que já não dão conta…

Da revista Veja:

Coronavírus: polícia encontra dinheiro em imóvel de vereador do DEM no Rio

Davi Perini Vermelho, de São João de Meriti, é suspeito de participar de fraude na compra de respiradores pelo governo de Santa Catarina

Por Cássio Bruno

 

A Polícia Civil do Rio de Janeiro apreendeu 300 mil reais em um imóvel de propriedade do vereador Davi Perini Vermelho, o Didê (DEM), de 40 anos, presidente da Câmara de São João de Meriti, na Baixada Fluminense.

A ação faz parte da Operação Oxigênio (O2), deflagrada no último sábado em quatro estados para combater fraudes na compra de respiradores pelo governo de Santa Catarina.

Os aparelhos eram para tratamento de pacientes com o novo coronavírus.

Segundo o Registro de Ocorrência que VEJA teve acesso, o dinheiro estava na “residência e/ou empresa” do parlamentar, em Vargem Grande, Zona Oeste da capital.

No Rio, a Operação Oxigênio foi realizada pelo Departamento de Combate à Corrupção e Lavagem de Dinheiro, da Polícia Civil, que atuou em parceria com as polícias de Santa Catarina, São Paulo e do Mato Grosso.

De acordo com as investigações, a quadrilha é acusada de superfaturar 200 respiradores em um total de R$ 33 milhões.  A ação visava cumprir 35 mandados de busca e apreensão e diversos sequestros de bens contra os suspeitos. O caso está sob sigilo.

Procurado por VEJA, o vereador Didê, suspeito de participar do esquema criminoso, não retornou as ligações até o fechamento desta reportagem. O imóvel do parlamentar fica na Avenida Vereador Alceu de Carvalho, conforme o procedimento policial número 257-00060/2020.  Os policiais também apreenderam no local máscaras N-95, máscaras de oxigênio, laptops e peças para respiradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.