Thaisa Galvão

15 de maio de 2020 às 12:19

Desrespeitado e humilhado por bolsonaro, médico Nelson Teich deixa Ministério da Saúde 28 dias depois de ter tomado posse [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Desrespeitado, humilhado e esvaziado por Jair Bolsonaro, que brinca cada vez mais com a epidemia de coronavírus, o médico oncologista Nelson Teich deixa o que pode ter sido a pior experiência de sua vida: o Ministério da Saúde.

Teich não chegou a completar um mês no cargo.

É a 2ª demissão de ministro da Saúde em meio à pandemia do coronavírus.

O médico entrou e saiu sem saber muito bem o que estava fazendo, e quando tentava aprender, no meio da pandemia e sem dar respostas, vinha o chefão e cortava-lhe as pernas.

Vamos aguardar a nomeação de um militar receitando cloroquina, como quer bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.