Thaisa Galvão

30 de junho de 2020 às 15:39

Depois de vergonhas e mentiras, Bolsonaro deve anunciar hoje novo ministro da Educação [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Depois de alguns dias de muita-muita-muita vergonha e mentiras sucessórias, o viúvo Porcino – o que foi sem ter sido – ministro da Educação, Carlos Alberto Decotelli, chega ao Palácio do Planalto para conversar com o presidente Jair Bolsonaro sobre a sua saída antes da entrada.

Decotelli não parecia estar disposto a sair aonde ainda não entrou, mas foi forçado.

O presidente Bolsonaro deve anunciar ainda hoje o substituto e nos bastidores, os nomes são o de Marcus Vinicius Rodrigues, ex-presidente do Inep; Anderson Ribeiro Correia, reitor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA).

Pelas estatísticas…três nomes em um ano e meio e os três deram vexame…o MEC tem chance de protagonizar mais um desastre.

Tomara que não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*