Thaisa Galvão

18 de novembro de 2020 às 14:48

Defesa do prefeito eleito de Lagoa Salgada mostra que jurisprudência antiga defendida pelo MPE não impede Osivan Queiroz de tomar posse [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Sobre o caso de eleições sucessivas do prefeito eleito de Lagoa Salgada, Osivan Queiroz…

A defesa do mais votado, assinada pelos advogados Erick Pereira e Leonardo Palitot, mostra que o caso de Lagoa Salgada “é muito diferente do de Guamaré”.

E explica que a jurisprudência que o Ministério Público Eleitoral se baseia para pedir o indeferimento do registro, é de 2015, e o precedente usado pela juíza para deferir o registro é de 2020.
Ou seja, a jurisprudência mais recente da relatoria do ministro Luiz Fux “é absolutamente favorável ao prefeito eleito de Lagoa Salgada”, afirma Erick Pereira.

Abaixo trecho das contrarrazões encaminhadas ao juiz pela defesa do prefeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.