#JornalismoSemFakeNews

12 de dezembro de 2020 às 14:27

Servidores do Estado já tem data para receber resto do décimo terceiro e Governo anuncia ainda este ano o calendário de pagamento de 2021

[0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os servidores do Estado do Rio Grande do Norte, que receberam a primeira parcela do décimo terceiro, o equivalente a 40%, já sabem quando receberão a segunda parcela.

O pagamento, segundo anúncio feito pela governadora Fátima Bezerra Fórum dos Servidores Estaduais, será feito nos dias 23 de dezembro e 5 de janeiro.

Os servidores com salário bruto até R$ 2 mil, e os que estão lotados nos órgãos que têm arrecadação própria, receberão os 60% restantes no dia 23 de dezembro.

Os demais servidores receberão no dia 5 de janeiro.

Fátima garantiu que o calendário do mês segue mantido como ela anunciou no começo do ano: no dia 15 será feito o pagamento integral para quem ganha até R$ 4 mil e para os agentes da Segurança, além do adiantamento de 30% para os demais servidores.

No dia 30 o Estado paga 70% do salário para quem recebe acima do teto de R$ 4 mil, e o salário integral para os servidores lotados nos órgãos de arrecadação própria.

A governadora antecipou que o Governo do Estado anunciará ainda neste ano de 2020 o calendário de pagamentos de 2021.

*

Sobre as duas folhas que ainda restam do governo Robinson Faria, lembrando que a governadora Fátima Bezerra já conseguiu quitar duas (novembro de 2018 e o 13º de 2017), elas começarão a ser pagas a partir de janeiro de 2021.

A forma de pagamento dos atrasados da gestão anterior será definida com o Forum de Servidores.

Na reunião com o Forum, nesta sexta-feira, a governadora Fátima Bezerra lembrou que em 2020, pela primeira vez após 4 anos, o Governo do Estado retomou o adiantamento do 13º salário para os servidores públicos.

A atual gestão recebeu quatro folhas salariais em aberto e quitou duas delas: novembro de 2018 e o 13º de 2017. De acordo com dados da Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças (Seplan), a soma das duas folhas em atraso – dezembro e o décimo terceiro de 2018 – é de aproximadamente R$ 750 milhões. Desde o início de 2019, o governo tem cumprido o compromisso de pagar o salário dos servidores públicos em dia. Em janeiro de 2020, pela primeira vez – em anos – o governo anunciou o calendário de pagamento dos servidores para o exercício fiscal inteiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.