Thaisa Galvão

14 de abril de 2021 às 19:08

UTI do Giselda Trigueiro registra média de altas de pacientes de covid acima do índice nacional [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O Hospital Giselda Trigueiro, referência em doenças infectocontagiosas, ficou acima da média nacional no atendimemto em UTI de pessoas atingidas pela Covid-19.

Segundo a Associação de Medicina Intensiva Brasileiro (Amib), o índice de óbitos nas UTIs públicas, que é de 36,6% e nas privadas de 29,7%, fica em 21,5% no Giselda.

O período contado é do início da pandemia em março do ano passado até agora.

Até o fim de março a unidade recebeu 1.140 pacientes com covid, e registrou 245 mortes.

“Ficamos satisfeitos em saber que os dados do Giselda Trigueiro são melhores que a média nacional. É uma recompensa a todo o esforço feito desde o início da pandemia. Um dos principais motivos para isso é que a gente trabalha para o atendimento da Covid-19 desde 20 de janeiro de 2020, quando começamos a fazer reuniões sistemáticas e a maioria das pessoas nem tinha ouvido falar sobre o novo vírus”, diz o diretor do hospital, André Prudente.

14 de abril de 2021 às 18:18

Embaixador brasileiro na França conta a piada do ano diante do fechamento do espaço aéreo francês para voos do Brasil: ‘Nossa economia não depende do turismo’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Alguém sabe dizer onde o embaixador do Brasil na França morava antes de ser embaixador?

Em qual continente?

Luís Fernando Sena se esparrachou geral na entrevista que concedeu nesta quarta-feira à agência de notícias francesa RFI, sobre o fechamento do espaço aéreo francês a voos com origem no Brasil.

Confira e chore:

Do portal francês RFI

A suspensão dos voos entre a França e o Brasil é notícia em todos os canais de TV e rádio franceses. Eles enviaram repórteres ao aeroporto Roissy-Charles de Gaulle para colher a reação dos passageiros que puderam embarcar nos últimos voos, antes do início da suspensão. A decisão foi anunciada nessa terça-feira (13) pelo primeiro-ministro Jean Castex, pressionado pela grave situação sanitária no Brasil, devido a variante brasileira, conhecida como P1, considerada a mais contagiosa e perigosa.

Os dois voos da Air-France, provenientes do Rio de Janeiro e de São Paulo, aterrissaram por volta das 7h30, horário local. O desembarque foi mais demorado que o previsto por causa da imposição de novas medidas. Além de apresentar um PCR negativo realizado 72 horas antes do embarcar, os passageiros tiveram que fazer um teste de antígeno e se comprometer a respeitar um isolamento de 7 dias. Mas todos estavam aliviados por terem conseguido viajar. Segundo eles, os aviões não estavam cheios e a viagem foi tranquila.

Um francês, residente no Brasil, ouvido pela Franceinfo, que veio de São Paulo, disse que “esperava um clima de pânico a bordo, mas que tudo foi tranquilo. “Meu problema agora vai ser voltar”, indicou. Um jovem, também entrevistado pela Franceinfo, disse que preferiu antecipar a viagem para não ficar retido no Brasil. Essa foi a opção relatada por vários passageiros entrevistados pela mídia francesa.

O estudante Luan Santos afirmou ao site do Le Figaro, ainda no Brasil, que “estava aliviado por poder embarcar” porque vai estudar em Portugal e precisa chegar ao país com uma certa antecedência. Luan escolheu passar pela França porque os voos entre Brasil e Portugal estão suspensos desde o final de janeiro e pelo menos até 15 de abril.

A medida impediu a viagem de franceses que já estavam com passagem marcada para o Brasil. Capucine, entrevistada pela RFI, que iria ao Rio de Janeiro a trabalho e aproveitaria para visitar a mãe, se sente ‘privada de sua liberdade” e critica a decisão “autoritária” do governo francês. Outra turista francesa, também entrevistada pela RFI, garante que “ela tem mais risco de pegar Covid na França, principalmente em cidades como Paris, do que no Brasil”.

Passar por um outro país europeu, onde os voos com o Brasil são permitidos, como a Suíça e a Holanda por exemplo, é uma solução imaginada por vários viajantes. Mas as autoridades alertam que esses passageiros podem ser impedidos de pegar a conexão para a França, uma vez que é o local inicial de embarque que será levado em conta.

Voos de repatriação

Até o dia 19 de abril, quando os voos ficarão suspensos, o governo francês estuda a adoção de medidas mais restritivas que permitiriam a retomada da ligação aérea. Entre as pistas estudadas, está um isolamento obrigatório em um hotel, na região do aeroporto, com as despesas pagas pelo viajante. Atualmente, a França recomenda o isolamento de 7 dias e um novo teste PCR no final deste prazo, mas não tem como controlar o cumprimento da medida.

A suspensão provocou críticas. A deputada francesa para a América Latina, Paula Fortaza, declarou em entrevista à RFI que impedir os franceses que estão no Brasil de voltar para a França representa “um risco sanitário grande” para essas pessoas. Ela pede a imposição do sistema obrigatório de quarentena como solução.

Enquanto isso, o governo francês examina a organização de voos para repatriar os franceses, turistas ou residentes no Brasil, que querem voltar para a França. “Nossos cidadãos têm o direito constitucional de retornar ao nosso território”, afirmou o secretário de Estado para Assuntos Europeus, Clément Beaune, à TV France 2.

“A culpa é da esquerda” acusa embaixador brasileiro

O embaixador brasileiro na França, Luís Fernando Serra, concedeu duas entrevistas ao canal BFMTV, a primeira na noite desta terça-feira (13) e a segunda nesta manhã. O diplomata disse respeitar a “decisão soberana da França”, mas minimizou o impacto da mesma ao lembrar que “a economia do Brasil não depende do turismo”.

Questionado pelos jornalistas, negou categoricamente a responsabilidade do presidente Jair Bolsonaro nessa crise.

“Vocês pensam que o presidente Bolsonaro faz pouco? Que a culpa é do presidente? Essa é uma boa oportunidade para dizer que o Brasil já vacinou 31 milhões de pessoas e é o 5° país que mais vacinou no mundo segundo a OMS”, apontou Serra.

“E as mortes, a decisão de não decretar lockdown, o caos nos hospitais?, perguntaram os apresentadores. “Proporcionalmente, em relação ao tamanho de sua população, o Brasil é o 19° país em número de mortes por um milhão de habitantes (…) A culpa dos hospitais lotados é da esquerda que não construiu hospitais durante os 24, 26 anos, que ficou no poder”, respondeu o embaixador.

Sobre o lockdown, repetindo o que afirma Bolsonaro, ele explicou que a culpa é do STF.

“O presidente Bolsonaro é solidário, mas quer que as pessoas trabalhem. Tem 35 milhões de brasileiros que vivem da economia informal e tem que sair de casa para trabalhar. O Brasil não tem um sistema social como a França. Se não trabalharem, eles vão morrer de outra coisa, de fome, de depressão”, insistiu Serra.

Mas se o embaixador fez questão de relativizar os 358 mil mortos pela Covid no Brasil, ele não fez o mesmo com a vacinação. Proporcionalmente, o Brasil vacinou apenas 11,5% da sua população e está abaixo de 60ª posição mundial.

14 de abril de 2021 às 12:14

Vereadora Nina Souza será a entrevistada de hoje do ’30 Minutos com Thaisa Galvão’ [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A vereadora Nina Souza protocolou na Câmara um requerimento solicitando que a Prefeitura de Natal instale um comitê para discutir a retomada da economia na capital.

Caberia ao comitê, de acordo com o que foi requerido, monitorar, avaliar e deliberar sobre as medidas constantes de enfrentamento à crise, e o estímulo ao desenvolvimento da cidade, a criação de empregos e a geração de renda para empresas e para a população.

Nina, que é a vereadora líder do prefeito Álvaro Dias na Câmara,  será a entrevistada desta quarta-feira do ’30 Minutos com Thaisa Galvão’, que será transmitido pelo Instagram @blogthaisagalvao a partir das 19h30.

14 de abril de 2021 às 11:58

Após teste positivo da esposa, mesmo com exame negativo, presidente da Assembleia Ezequiel Ferreira cumpre isolamento em casa [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, está de quarentena em casa, em isolamento, depois que a esposa, Ingrid Ferreira de Souza, testou positivo para covid.
Ingrid teve contato com a mãe, Neide Maciel, que está internada reagindo bem ao vírus, e se isolou para evitar o contato com o marido.
O resultado do teste de Ezequiel foi negativo, mas pelo fato de ter dividido o mesmo quarto com a esposa, e para não transmitir o vírus mesmo não tendo nele se manifestado, cumpre as normas sanitárias e fica em casa.
Hoje a sessão da Assembleia foi comandada pelo vice-presidente Galeno Torquato.

A equipe da presidência também cumpre isolamento.

À Assembleia segue fechada, com trabalhos administrativos e sessões acontecendo de forma remota.

Teste positivo de Ingrid

Teste negativo de Ezequiel

14 de abril de 2021 às 11:21

Prefeito Álvaro Dias anuncia parceria para garantir transporte e vacina para idosos e profissionais de saúde [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Prefeitura de Natal fez convênios com empresas de transporte por aplicativo para garantir a ida de idosos e profissionais de saúde aos pontos de vacinação contra covid na capital.

O prefeito Álvaro Dias fez o anúncio em suas redes sociais.

Natal tem mais de 3 mil idosos atendidos pelos programas coordenados pela Semtas que vai mapear esse público-alvo para identificar as pessoas aptas a tomar a primeira ou a segunda dose da vacina.

Ao confirmar a necessidade através da busca ativa, será disponibilizado o código para chamar a corrida. Para os idosos com dificuldade no manuseio da ferramenta, os próprios servidores da Semtas farão a chamada. Os vouchers disponibilizados para os profissionais do Município que atuam nas ações de vacinação ficam sob a responsabilidade das respectivas Secretarias.

14 de abril de 2021 às 11:08

RN receberá mais vacinas nesta quinta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da governadora Fátima Bezerra nas redes sociais nesta quarta-feira:

14 de abril de 2021 às 11:01

Lamento da governadora é publicado em forma de cobrança para sua equipe de segurança explicar sobre crimes contra policiais [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O setor de segurança pública do Estado do Rio Grande do Norte tem um desafio grande pela frente.

Investigar e dar resposta sobre o que está causando a morte de tantos policiais.

O lamento da governadora vem acompanhado de uma cobrança.

São 6 atentados contra policiais em uma semana, com saldo de 3 mortes.

14 de abril de 2021 às 6:24

Minuto da Câmara – prestando contas [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Conteúdo sobre a lei Maria da Penha terá que ser inserido na rede pública de ensino de Natal. O projeto foi aprovado na Câmara de Vereadores.

Mais detalhes no Minuto da Câmara.

14 de abril de 2021 às 1:11

Assembleia Legislativa emite nota de pesar pela morte do publicitário Rafael Maia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Da Assembleia Legislativa, nota de pesar pela morte do servidor, o publicitário Rafael Maia, vítima de acidente na noite desta terça-feira.

Nota de pesar

O momento é de dor para todos que compõem a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN) com a morte prematura do servidor Rafael Pessoa Maia, que faleceu na noite desta terça-feira (13), em um acidente automobilístico na estrada de João Câmara, na região do Mato Grande.

A Assembleia Legislativa transmite os mais sinceros votos de condolências aos familiares, à noiva Elen Vitória e amigos, em nome dos 24 deputados estaduais e dos servidores do Legislativo.

Sorridente e leal, Rafael dedicou os últimos seis anos às atividades do Legislativo Estadual como assessor parlamentar no gabinete do ex-deputado estadual José Adécio, e mais recentemente no setor de Cerimonial da Assembleia Legislativa.

Presença constante nas sessões da Assembleia, Rafael era formado em Publicidade e fez pós-graduação em Gestão Pública na Escola da Assembleia, onde formou-se em 2017.

A despedida de Rafael enluta amigos, familiares e companheiros de trabalho, que tiveram o prazer de conviver com um ser humano tão especial.

O Poder Legislativo – em nome do presidente Ezequiel Ferreira, dos deputados estaduais e dos servidores – se solidariza e lamenta o falecimento precoce do estimado servidor.

Descanse em paz, Rafael.

Palácio José Augusto
Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte