Thaisa Galvão

4 de maio de 2021 às 18:00

CPI: Pazuello alega que teve contato com pessoas positivas para covid e depoimento marcado para esta quarta é adiado para o dia 19 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-ministro Eduardo Pazuello, previsto para depor nesta quarta-feira na CPI da Covid, não está disposto a dar as caras no plenário do Senado.

Não deve ter sido aprovado no aulão preparatório do sábado passado no Palácio do Planalto, quando reuniu técnicos de vários ministérios, e a ala política do governo, para organizar respostas para Pazuello.

O ex-ministro alegou, via Exército, que ele teve contato com pessoas que testaram positivo para covid, e que não poderia comparecer ao plenário.

O presidente da CPI, senador Omar Oziz, disse que espera pelos 14 dias referentes à quarentena, mas não abre mão do depoimento presencial de Pazuello.

O depoimento de Pazuello, que se diz cuidadoso para não provocar transmissibilidade do vírus, não pensou isso quando circulou sem máscara em um shopping de Manaus, contrariando, inclusive, as normas sanitárias do shopping.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • maio 2021
    S T Q Q S S D
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31