Thaisa Galvão

31 de maio de 2021 às 16:31

Das 5 cidades escolhidas para sediar Conmebol, só Manaus e Brasília deverão abrir as portas para os jogos e Rio de Janeiro não tem aval dos gestores do Maracanã [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Das 5 cidades brasileiras escolhidas como sedes dos jogos da Copa América, duas já declinaram.

Os governadores Fátima Bezerra, do Rio Grande do Norte, e Paulo Câmara, de Pernambuco, já disseram que Natal e Recife não tem condições epidemiológicas para receber o evento que já foi negado pela Argentina e pela Colômbia.

Os gestores do Maracanã, estádio do Rio de Janeiro apontado para sediar a final, e ainda com público, avaliam que abrir as portas para um campeonato internacional em uma das fases mais preocupantes da pandemia no Rio de Janeiro pode passar sinal ruim.

As outras duas cidades são Manaus – onde a pandemia foi mais cruel – e Brasília.

O governo do Amazonas, que bem pouco tempo atrás pediu socorro a governadores de vários estados na tentativa de salvar vidas no estado onde sequer havia oxigênio, afirmou que não recebeu notificação oficial sobre os jogos, mas admitiu conversar sobre o assunto.

A outra cidade é Brasília, que segundo o governador Ibaneis Rocha, ‘não tem resistência’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.