Thaisa Galvão

22 de novembro de 2017 às 13:31

Queijo Suíço: Operação levou para depor 15 agentes penitenciários, três esposas e um ex-policial [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A Operação Queijo Suíço, deflagrada hoje pela Polícia Civil e o Ministério Público na Grande Natal e em cidades do interior cumpriu 21 mandados de busca e apreensão e 19 mandados de condução coercitiva contra servidores do Sistema Penitenciário do Estado e contra outros suspeitos que de crimes dentro de presídios.

“Foram conduzidos coercitivamente para prestar informações 15 agentes penitenciários, três esposas dos agentes penitenciários, dois advogados e um ex-policial civil. Um dos suspeitos foi preso em flagrante, pois estava com uma arma de fogo. Porém, ainda não podemos divulgar os nomes dos envolvidos, somente ao final do inquérito e após a denúncia que será oferecida pelo Ministério Público à Justiça”, detalhou o Delegado-Geral da Polícia Civil, Correia Júnior.

A operação, que investiga crimes de corrupção, facilitação de fugas, introdução de objetos ilícitos em presídios, lavagem de capital, associação criminosa e falsidade ideológica, foi realizada pelo Núcleo Especial de Investigação Criminal (NEIC) e pelo Laboratório de Lavagem de Dinheiro da Polícia Civil, com apoio técnico do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Rio Grande do Norte e com suporte da Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED).

“No momento, estamos na fase de produção de provas para individualizar qual foi a conduta criminosa de cada suspeito. Nós, do Ministério Público não podemos compactuar com a corrupção dentro de presídios”, afirmou o promotor de Justiça e coordenador do GAECO, Fausto França.

As investigações foram iniciadas após a rebelião no presídio de Alcaçuz em janeiro.

Na época, presos de facções rivais entraram em confronto e havia a suspeita de facilitação de introdução de armas e celulares no interior da unidade prisional.

No decorrer das investigações ficou evidenciada a existência de servidores do sistema penitenciário agindo em conjunto ou isoladamente em condutas criminosas com a participação de advogados, sendo identificado movimentações bancárias vultosos e incompatíveis com os rendimentos declarados pelos investigados a Receita Federal.

 

“Desde a época da rebelião, a Polícia Civil já havia formado uma comissão para investigar os crimes e com o apoio do Ministério Público, fomos avançando nas investigações. Agora estamos trabalhando para finalizar o inquérito e punir todos os envolvidos pelos crimes e que os servidores públicos sejam punidos exemplarmente”, asseverou o coordenador de operações especiais da SESED, o delegado Clayton Pinho.

A denominação da operação “Queijo Suíço” é uma analogia às inúmeras fugas de presos ocorridas no Presídio Estadual de Alcaçuz no qual aqueles abriam diversos buracos cavando túneis para o exterior do presídio deixando o solo com aparência de um “Queijo Suíço”.

22 de novembro de 2017 às 13:18

CCJ da Câmara limita foro privilegiado a presidentes da República, Câmara, Senado e STF [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Aprovado hoje na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que que prevê o fim do foro privilegiado em casos de crimes comuns.

A PEC acaba com o direito de ministros, deputados e senadores responderem a ações penais em instâncias superiores.

A proposta mantém o foro privilegiado apenas para presidentes da República, da Câmara, do Senado e do Supremo Tribunal Federal (STF).

22 de novembro de 2017 às 13:02

TRE-RN alcança Selo de Ouro pelo segundo ano seguido [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte alcançou o Selo Ouro do Conselho Nacional de Justiça, com 374 pontos. O Selo Justiça em Números premia o desempenho dos diversos tribunais que compõem o Poder Judiciário do País.

Foram avaliados e contemplados 89 tribunais nas categorias Diamante, Ouro, Prata e Bronze. O Selo reconhece o investimento das instituições do Judiciário em gestão da informação e no cumprimento de normas de transparência.

O prêmio foi entregue ao presidente do TRE-RN, desembargador Dilermando Mota Pereira, em Brasília.

“A outorga deste Selo Ouro, pelo segundo ano consecutivo (2016 e 2017), ao TRE/RN, é um atestado do empenho e trabalho feito com denodo e dedicação, objetivando a conquista dos alvos colimados. Que as metas para 2018, consubstanciadas na sustentabilidade, automação dos serviços e transparência, sejam as balizas de consolidação de um trabalho sério, capaz e dedicado à implementação da democracia no Brasil, pela instrumentalidade da Justiça Eleitoral”, disse o presidente Dilermando Mota.

22 de novembro de 2017 às 12:37

PPS muda de nome para atrair Luciano Huck [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado Roberto Freire, presidente do PPS, quer trocar o nome do partido por Agora! (com  exclamação), para rejuvenescer e atrair, além do eleitorado, o apresentador global Luciano Huck.

O apresentador vem sendo apontado, e até bem citado em pesquisas, como provável candidato a presidente da República.

Em reunião recente com criadores do seu programa Caldeirão do Huck, Luciano garantiu que não vai disputar eleição.

Mesmo assim apresentou números de intenção de votos e resultados de conversas com os maiores economistas do país, sobre a situação atual do país.

Ao mesmo tempo que diz que não vai, Luciano Huck se prepara para ir.

Caso decida ser candidato, Luciano Huck terá que romper o contrato com a TV Globo, e romper acordos comerciais com o programa.

Portanto, terá que ter certeza que a intenção não será uma aventura.

Luciano Huck talvez seja hoje o nome que mais preocupa o PT e o ex-presidente Lula.

É popular e entra bem nas camadas inferiores, onde Lula sempre foi bem votado.

Com uma diferença: não tem o desgaste do ex-presidente.

Luciano Huck tem até 7 de abril para se filiar a um partido.

O prazo para deixar a Globo em dezembro, citado pela imprensa, já foi negado pelo apresentador.

22 de novembro de 2017 às 12:25

Além de Garotinho e Rosinha, presidente nacional do PR também é alvo de pedido de prisão [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente nacional do PR, Antonio Carlos Rodrigues, é alvo de mandado de prisão nesta quarta-feira em São Paulo.

O mandado de prisão temporária foi expedido pela Justiça Eleitoral de Campos de Goytacazes (RJ), mas até pouco tempo atrás ele ainda não havia sido localizado.

Rodrigues é suspeito de corrupção, extorsão, pertinência à organização criminosa e falsidade ideológica na prestação de contas eleitorai, e é alvo da mesma investigação que resultou na prisão dos ex-governadores do Rio, Anthony Garotinho e Rosinha Garotinho, ambos do PR.

22 de novembro de 2017 às 12:14

Parlamentar do Ano da Assembleia Legislativa será escolhido na próxima terça-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Os jornalistas que fazem a cobertura política da Assembleia Legislativa vão escolher, na próxima terça-feira, 28, o Parlamentar do Ano.

A premiação ocorre desde 1972 e elege o parlamentar com atuação destacada ao longo do ano.

No ano passado o título foi para a deputada estadual Cristiane Dantas (PCdoB).

A votação será no Comitê de Imprensa, das 8h30 às 11h30.

O primeiro Parlamentar do Ano, em 72, foi o então deputado Roberto Furtado.

22 de novembro de 2017 às 8:57

Rio de Janeiro: ex-governadores Garotinho e Rosinha são presos [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1

Anthony Garotinho e Rosinha Matheus são presos no RJ

Rosinha foi levada para a sede da Polícia Federal em Campos dos Goytacaezs, no Norte Fluminense. Anthony Garotinho estava no Rio de Janeiro quando foi detido

 

Os ex-governadores do Estado do Rio de Janeiro Anthony Garotinho e Rosinha Matheus foram presos na manhã desta quarta-feira (22). Eles foram presos na Operação Chequinho da Polícia Federal, que investiga um esquema de troca de votos envolvendo o programa social Cheque Cidadão, na eleição municipal do ano passado.

Rosinha foi levada para a sede da Polícia Federal em Campos dos Goytacaezs, no Norte Fluminense. Anthony Garotinho estava no Rio de Janeiro quando foi detido.

A Polícia Federal está fazendo agora de manhã uma operação em Campos dos Goytacazes, no Norte do Estado do Rio. Um dos alvos da operação é o ex-secretário de governo da ex-prefeita, Rosinha Garotinho. Os agentes fizeram buscas na casa do ex-secretário e ele foi levado para a sede da polícia federal na cidade.

A defesa de Anthony Garotinho informa que só se pronunciará quando tiver acesso aos documentos que embasaram o mandado de prisão do ex-governador, o que ainda não aconteceu.

 

Justiça revogou prisão do ex-governador em setembro

Em setembro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) derrubou a prisão domiciliar do ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho (PR). O político chegou a ser preso no dia 13 de setembro, após ser condenado na primeira instância da Justiça Eleitoral a 9 anos, 11 meses e 10 dias de reclusão, além de multa de R$ 210.825,00. A pena, no entanto, foi transformada em prisão domiciliar, com uso de tornozeleira eletrônica e outras restrições.

Na decisão, a maioria dos ministros do TSE derrubou essas restrições, que também incluíam proibição de contato com qualquer outra pessoa, exceto seus familiares, e de uso celulares, internet ou outros meios de comunicação.

22 de novembro de 2017 às 3:08

Rio de Janeiro: de Cidade Maravilhosa à terra sem lei [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quando o Rio de Janeiro deixa de ser a Cidade Maravilhosa e não continua linda…

Sobre a prisão e a polêmica liberdade do presidente da Assembleia do Rio e de outros dois deputado:

A Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, classificou o Rio de ‘terra sem lei’.

“O fato de a resolução legislativa ter sido cumprida por ordem direta da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, sem expedição de alvará de soltura pelo Poder Judiciário, é prova eloquente do clima de terra sem lei que domina o Estado”, escreveu Dodge.

Já o juiz Sergio Moro, da Justiça Federal do Paraná, disse que p Rio de Janeiro é o “exemplo mais visível de corrupção sistêmica no país”.

22 de novembro de 2017 às 2:37

Prestes a deixar prisão Marcelo Odebrecht é aguardado para festa da família [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Do Globo de hoje:

22 de novembro de 2017 às 2:29

Presidente da Assembleia do RJ e dois deputados voltam para a cadeia [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Jorge Picciani (PMDB), voltou para a cadeia nesta terça-feira.

Com ele, os deputados Edson Albertassi e Paulo Melo, também do PMDB.

Eles estão na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, Zona Norte do Rio.

Os 3 se entregaram na superintendência da Polícia Federal, assim que o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) determinou que eles voltassem à prisão.

Por unanimidade, os desembargadores do TRF-2 votaram pela prisão dos deputados.

A Justiça Federal também determinou o afastamento deles da Alerj.

22 de novembro de 2017 às 2:04

Premiação encerra 4ª Mostra de Cinema de São Miguel do Gostoso [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Foi encerrada nesta terça-feira, a 4ª Mostra de Cinema de São Miguel do Gostoso, aberta no final de semana com exibição do curta-metragem “O Grande Ó” dirigido por Rubens dos Anjos, de 19 anos, natural de Gostoso.

O prêmio de melhor curta-metragem foi para No Fim de Tudo, de Victor Ciriaco, e levou o troféu Luís da Câmara Cascudo.

O prêmio de melhor longa-metragem foi para Escolas em Luta, de Rodrigo Marques, Eduardo Consonni e Tiago Tambelli.

O prêmio de Menção Honrosa este ano, com expressiva votação popular foi para o filme Gabriel e a Montanha, que tem como protagonista o ator João Pedro Zappa.

Ele recebeu o troféu Luís da Câmara Cascudo de Menção Honrosa.

A Mostra teve apoio do Governo do Estado, do Governo Cidadão através da Secretaria de Turismo com recursos do Banco Mundial.

Os filmes foram exibidos na beira da praia do Maceió, o que encantou a imprensa nacional e internacional.

22 de novembro de 2017 às 0:49

Cortes do SBT atingem até o programa da herdeira Patrícia Abravanel [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Cristina Padiglione, na Folha/Uol:

SBT inicia plano de demissões que atinge artistas, Jornalismo, produção e faxina

Não é de hoje que Silvio Santos tem botado dinheiro do próprio bolso no SBT para manter o caixa da emissora no azul.

Agora, chegado o fim do ano, a direção da casa não vê outro meio de manter a saúde financeira do grupo, que não seja a execução de um plano de demissões que deve atingir 100 profissionais antes que 2017 acabe.

No Jornalismo, por enquanto, foram dois cortes, mas uma equipe de link foi inteiramente decepada, restando apenas um time para realizar transmissões ao vivo, de qualquer lugar.

Profissionais ligados a afiliadas, produtores de todos os programas e, em especial, da área de novelas, já foram dispensados.

Até Jean Paulo Campos, como antecipou o TelePadi, teve seu contrato encerrado.

Há três anos, Silvio Santos foi resgatar na Record o pequeno Cirillo, como o menino é conhecido desde que fez “Carrossel”.

Embora ainda esteja no ar, em “Carinha de Anjo”, as gravações do folhetim já terminaram e boa parte da equipe não ficará para a próxima trama, “Poliana”, outra adaptação pilotada por Iris Abravanel.

Até a faxina, serviço já terceirizado no SBT, será reduzida.

Nem as herdeiras do Baú foram poupadas.

O afastamento de Patrícia Abravanel em função da gravidez determinou não só o fim do “Máquina da Fama”, que ela deixou de apresentar há mais de dois meses, mas também a dispensa de toda a equipe.

A filha número quatro de Silvio ainda não tem definido programa próprio para a volta.

Em meio à tristeza pela medida drástica tomada por Senor Abravanel, e mesmo diante de um quadro tão negativo, é preciso lembrar que ele continua muito resistente a aceitar propostas de igrejas evangélicas para locar horário na programação do SBT, como faz a Record, com tabela comercial supervalorizada pela Igreja Universal, matriz do grupo de Edir Macedo, a Band, com R.R. Soares e Valdomiro Santiago, pelo canal 21, e a RedeTV!, com os mesmos personagens religiosos do grupo Bandeirantes.

Judeu, Silvio nada tem contra os evangélicos, vertente religiosa que encontra em sua mulher, Íris, e nas filhas, fervorosas seguidoras.

A resistência do patrão à prática, coisa que ele evitou nos (breves, mas difíceis) dias de crise gerada pela falência de seu banco, é baseada mesmo nos princípios laicos com que ele rege a programação da casa.

O empresário tampouco é contra a venda de horários na grade, o que está claro pela locação que a Disney faz da faixa matutina no SBT, de segunda a sexta, durante a programação infantil.

22 de novembro de 2017 às 0:34

Jô Soares é entrevistado de Pedro Bial nesta quinta-feira [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Quase um ano depois de deixar o Programa do Jô, na Rede Globo, que apresentou durante 17 anos, Jô Soares é o entrevistado do seu sucessor, Pedro Bial, no programa que vai ao ar na quinta-feira.

O escritor, humorista, apresentador e diretor falou de “O Livro de Jô – Uma Autobiografia Desautorizada”, sua autobiografia que está para chegar às livrarias.

Jô falou sobre planos para o teatro, sem citar TV, o que deixa claro que a Globo continuará deixando o apresentador na geladeira.

Ele chora durante a entrevista, já gravada, quando fala de Rafael, o filho autista que morreu de câncer no cérebro aos 50 anos.