Thaisa Galvão

17 de fevereiro de 2012 às 1:58

Rosalba promete carnaval com mais apoio em 2013 [3] Comentários | Deixe seu comentário.

A governadora Rosalba Ciarlini já anunciou: para o carnaval do próximo ano, vai dobrar o valor da ajuda financeira do governo.

Na quarta-feira, a Rosa Gove fez a entrega da ajuda oficial às agremiações que tiveram seus projetos habilitados no Edital do Carnaval Potiguar 2012 da Secretaria de Cultura do Estado.

Ao todo, 410 mil reais distribuídos para festas em 31 municípios.

Além do patrocínio, Rosalba entregou prêmios: na categoria Festa Carnavalesca quem levou foi a festa “Carnaval Tradição Alexandria 2012”, do município de Alexandria.

De Caicó, o bloco premiado foi o “Ala Ursa do Poço de Sant’Ana”.

Representando o Carnaval de Caicó, quem recebeu o prêmio foi o jornalista e blogueiro caicoense, Heitor Gregório.

Que representou a sua cidade na entrega do prêmio…e o leva para Caicó representando o governo.

Rosalba entrega o prêmio a Heitor, representante de Caicó

3 respostas para “Rosalba promete carnaval com mais apoio em 2013”

  1. Titico disse:

    AS MELHORAS PROMETIDAS.

    Para a Anorc, há “descaso” por parte do Governo
    O presidente da Associação Norte-Riograndense de Criadores (Anorc), Marcos Teixeira, disse que os criadores fizeram sua parte para que houvesse o avanço do RN de área de risco médio para livre de febre aftosa ao realizarem a vacinação do rebanho de forma correta e no período predeterminado pelo governo. A vacinação é uma das exigências para que haja a reclassificação.

    Ele observa, entretanto, que falta o governo do Estado executar a parte legal e administrativa, porque até o momento “está na estaca zero. “O descaso é total”, afirmou.

    Para Teixeira, se o Ministério da Agricultura rebaixar o Rio Grande do Norte, o Estado “ficará isolado” nessa questão do zoneamento da febre aftosa, e toda a cadeia produtiva do agronegócio será prejudicada, considerando que para exportar seus produtos, muitos países exigem certificados.

    Teixeira ressalta que o Rio Grande do Norte é referência no país quando se trata da qualidade genética do bovino da raça Guzerá: “Podemos nos privar disso e ocorrer de a Festa do Boi também acabar”, ressalta.

    Segundo Teixeira, essa preocupação já foi levada ao deputado federal Henrique Eduardo Alves (PMDB), que por sua vez já tratou da questão com a governadora Rosalba Ciarlini e o secretário estadual da Agricultura, Betinho Rosado.

    “Infelizmente as coisas não saem do papel, até os telefones do Idiarn estão cortados”, lamenta o presidente da Anorc, que relaciona a falta de recursos humanos como um dos problemas levantados pelo Ministério da Agricultura, para executar a fiscalização necessária no setor agropecuário.

    Toda a questão já foi tratada numa audiência pública realizada na Assembleia Legislativa, em dezembro do ano passado. No dia 7 de fevereiro deste ano, houve outra discussão entre representantes dos governos estadual e federal e da classe empresarial.

    Na oportunidade, o presidente da Federação da Agricultura, José Vieira, alertou os diversos produtores rurais e autoridades do setor sobre a questão: “Fizemos esse alerta com o intuito de ajudar ao Governo. Se o rebanho potiguar voltar para o nível de risco desconhecido (fato que já ocorreu no começo da década de 2000), os produtores não poderão mais comercializar os seus animais em outros estados e nem os rebanhos desses estados poderão entrar no RN”, observou à época.

  2. Titico disse:

    Promete, promete, promete, pro-mete, mete, mete……

  3. Danilo Bezerra disse:

    Sempre é bom avaliar notícias passadas quando estas fazem aniversário.
    E aí sra. Governadora!? Qual avaliação a sra. faz sobre essa notícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*