Thaisa Galvão

1 de julho de 2015 às 22:33

Dilma tem maior rejeição registrada pelo Ibope desde redemocratização [1] Comentários | Deixe seu comentário.

O boletim com notas vermelhas para a presidente Dilma Rousseff foi a notícia mais comentada desta quarta-feira.

Os números negativos contra a popularidade da presidente subiram mais uma vez.

Veja a avaliação do Ibope comparando hoje com o mês de abril.

Ótimo/bom: o item caiu de 12% para 9%

Regular: Caiu de 23% para 21%

Ruim/péssimo: Cresceu de 64% para 68%

– Não sabe: 1%

A rejeição de 68% ao governo Dilma é a maior já registrada pela série histórica das pesquisas Ibope desde a redemocratização, segundo o próprio instituto.

1 de julho de 2015 às 22:21

Delegado geral atribui arrastões em bares às últimas fugas de presídios [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O delegado-geral de Polícia Civil, Stênio Pimentel, designou o delegado Ben-Hur Medeiros, titular da Delegacia de Capturas e Polinter (DECAP), para presidir as investigações sobre as ocorrências de arrastões em bares que aconteceram em Natal nos últimos dias.

 O delegado-geral atribui os arrastões às últimas fugas de presos.

“Para esclarecer quem são os autores destes atos criminosos, criamos uma força-tarefa que terá o apoio do Centro de Inteligência da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Sesed), da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) e do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP)”, detalhou o delegado-geral.

 O delegado-geral de Polícia Civil, Stenio Pimentel, designou na tarde desta quarta-feira (01), o delegado Ben-Hur Medeiros, titular da Delegacia de Capturas e Polinter (DECAP), para presidir as investigações sobre a ocorrência de arrastões em bares que aconteceram em Natal, nos últimos dias.

 

Segundo o delegado-geral, os atos criminosos podem ser reflexo das fugas de presidiários que aconteceram após as rebeliões que existiram no Estado, durante o mês de março. “Para esclarecer quem são os autores destes atos criminosos, criamos uma força-tarefa que terá o apoio do Centro de Inteligência da Secretaria de Segurança e Defesa Social (Sesed), da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (Defur) e do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil (NIP)”, detalhou o delegado-geral.

 “Precisamos que as vítimas e testemunhas compareçam às delegacias para registrarem os boletins de ocorrência. Com os dados repassados pela sociedade, teremos maiores condições de fazer levantamentos mais precisos sobre os objetos roubados e sobre os suspeitos”, explicou Stênio.

1 de julho de 2015 às 21:47

Após Blog mostrar escuridão na Via Costeira, Semsur aciona Cosern que promete solução ainda hoje [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Assessoria de imprensa da Secretaria de Serviços Urbanos de Natal informa que a escuridão em um trecho da Via Costeira, mostrada em vídeo pelo Blog, foi ocasionada por um problema em transformadores da Cosern. 

Uma hora após notícia no Blog, a Semsur acionou a Cosern que prometeu enviar equipe técnica ao local ainda agora à noite.

Tomara que dê certo. Em nome da segurança.

E em nome dos leitores, o Blog agradece a atenção.

1 de julho de 2015 às 21:38

Revista Exame acaba de premiar os Melhores e Maiores do Brasil edição 2015 [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Blog acompanhou, quase ao vivo, pelo teitter, a cerimônia que acontece no Clube Monte Líbano, em São Paulo, para anúncio da Empresa do Ano e de Melhores e Maiores de 2015.

Prêmio promovido anualmente pela Revista Exame.

Eis os vencedores:

 
  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

  

     

  
  
   

  
  
 

1 de julho de 2015 às 21:06

Ex-deputado Ney Lopes de Souza e ex-vereador Ney Júnior vão se filiar ao PSD [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O ex-vereador Ney Lopes Júnior será candidato a uma vaga na Câmara de Natal, no próximo ano, pelo PSD.

Ney Júnior, que preside o IPEM/RN, com o pai, ex-deputado federal Ney Lopes de Souza, fizeram hoje uma visita ao governador Robinson Faria.

No meio da conversa sobre o Rio Grande do Norte, Robinson convidou Ney pai e Ney filho para se filiarem ao PSD.

Os dois aceitaram.

“Agradeço com muita satisfação o convite, já aceito, e a confiança para integrar os quadros do PSD”, postou Ney Júnior em seu twitter.

  

1 de julho de 2015 às 20:49

Escuridão na Via Costeira torna perigoso acesso a hoteis, casa de festas e restaurante [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Há pelo menos dois dias a Via Costeira, de Ponta Negra até depois do Hotel Ocean, está no escuro.

E como a segurança pública não depende somente de policiais nas ruas, a escuridão nessa área deixa vulneráveis dois hoteis (Ocean e Natal Mar), o centro de convenções, uma casa de festas (Espaço Guinza) e o Restaurante Abade.

Perigo a olho nu.

Qualquer pessoa vê, menos quem tem que manter as luzes acesas.

VÍDEO Clique Aqui para ver como está a insegura Via Costeira

  

1 de julho de 2015 às 20:07

Mudança no texto pode mudar posição do deputado Rafael Motta em relação à maioridade penal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O deputado federal Rafael Motta, que votou contra a redução da maioridade penal na sessão de ontem, pode mudar o voto na votação do novo texto que está para ser votado hoje.

“Se confirmada a mudança, com uma emenda que atenha a redução aos crimes praticados com violência ou grave ameaça à pessoa, como homicídio, estupro e latrocínio, posso apoiar a a alteração da maioridade penal”, disse Rafael Motta.

A proposta que foi rejeitada continha crimes que não são classificados como hediondos, como a apropriação indébita de bem alheio.

“Entendo que a sociedade clama por essa redução, mas o texto substitutivo contemplava outros crimes além dos hediondos, como o roubo, nivelando-o a crimes tais quais o homicídio e estupro. Além disso, um jovem que comete um roubo ou é aviãozinho no tráfico, pode ser recuperado de forma mais fácil. Colocá-lo na prisão junto com um adulto no atual sistema prisional, só o tornará pior”, declarou o parlamentar.
 Rafael Motta se posicionou contrário à redução de 18 para 16 anos para crimes não hediondos, por entender que a proposta deve se limitar àqueles praticados com violência ou grave ameaça. fez questão de ressaltar, ainda, a necessidade de uma discussão mais profunda sobre o assunto, debatendo não só a redução da maioridade penal, mas sim o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). 

“É necessário atualizarmos o Estatuto da Criança e do Adolescente estabelecendo punições reais e ressocialização para quem comete atos infracionais”, analisou o parlamentar. 

 

1 de julho de 2015 às 16:23

Ex-secretária de Estado dos EUA, Madeleine Albright posta foto de seu encontro com Dilma Rousseff [0] Comentários | Deixe seu comentário.

De Madeleine Albright em seu twitter, após conversa com a presidente do Brasil, Dilma Rousseff.

Considerada política neoliberal, ela foi a primeira mulher no cargo de Secretário de Estado dos Estados Unidos, e foi nomeada pelo presidente Bill Clinton em 5 de dezembro de 1996.

Hoje é professora na universidade de Georgetown.

 
@madeleine  @dilmabr, foi um prazer conhecer ontem e discutir a cooperação EUA-# Brasil. Somos parceiros naturais.

1 de julho de 2015 às 16:06

Acesso Norte ao aeroporto de São Gonçalo fica pronto em dezembro [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O governador Robinson Faria visitou hoje as obras do acesso norte ao aeroporto de São Gonçalo do Amarante. 
As obras paralisadas no ano passado foram retomadas pelo novo Governo e estão previstas para serem concluídas em dezembro.
 O acesso Norte liga o aeroporto à BR-406, que dá acesso de Natal a Ceará-Mirim, João Câmara…
“Esta obra é de grande importância para todo o Estado do Rio Grande do Norte. Vai beneficiar não só o aeroporto, mas toda a nossa economia, as mais de 50 atividades ligadas ao turismo, o transporte de mercadorias e a mobilidade em Natal e na Grande Natal”, afirmou o governador.
“Somos um forte candidato a sediar o hub da TAM. O Governo está fazendo todos os esforços neste sentido e a decisão de reiniciar e concluir as obras do acesso ao aeroporto é mais uma ação da nossa administração que vai beneficiar os diversos segmentos da nossa economia e a sociedade como um todo”, completou Robinson, que visitou as obras Na companhia dos secretários de Planejamento, Gustavo Nogueira, de Infraestutura, Jáder Torres, de Comunicação, Juliska Azevedo, de Agricultura, Haroldo Abuana, dos diretores do DER, Jorge Fraxe, e do Detran, Marcos Freire, e ainda dos comandantes da PM e Corpo de Bombeiros, coroneis Ângelo Azevedo e Otto Saraiva.
Os prefeitos de São Gonçalo, Jaime Calado, e de Macaíba, Fernando Cunha, além dos deputados Gustavo Carvalho e Fernando Mineiro também acompanharam o governador.

Fotos Rayane Mainara

  

1 de julho de 2015 às 15:49

Localizada em Macaíba advogada levada por bandidos da frente da Codern [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Localizada em Macaíba a advogada Paula Ferreira de Souza Zaluski, levada por bandidos da frente da Codern, na Ribeira, em Natal.

Os bandidos ficaram com o carro e deixaram a advogada.

Segundo informações da polícia, ela está bem e não foi agredida.

1 de julho de 2015 às 15:29

Advogada sobrinha do ex-governador Iberê Ferreira é levada por bandidos da frente da Codern [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do assessor de imprensa da Codern, Heitor Gregório, colega de trabalho da vítima:

Sobrinha do ex-governador Iberê Ferreira de Souza, a advogada Paula Ferreira de Souza Zaluski acaba de ser sequestrada em frente à Codern.

Os bandidos fugiram levando a vítima com seu carro, uma Hilux prata. 

1 de julho de 2015 às 11:50

PT de Mossoró reafirma apoio à gestão do prefeito Francisco José e desautoriza qualquer posição contrária em nome do partido [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A executiva do PT de Mossoró emitiu nota onde reafirma apoio à gestão do prefeito Francisco José Júnior, assumindo compromisso de colaborar para solucionar problemas.

Eis:
Nota do Partido dos Trabalhadores de Mossoró

Mossoró viveu nas últimas décadas uma forma de fazer política conservadora, ditada por uma única família. Ano passado após uma batalha política e jurídica Mossoró começou a escrever uma nova história. O PT de Mossoró foi o primeiro partido a manifestar apoio ao prefeito Francisco José Júnior e contribuir com Mossoró, também como parte de um projeto estadual e nacional.

O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores, em 27 de junho, sábado último, com a participação do prefeito, fez uma avaliação de um ano de gestão, reconheceu os avanços realizados e reafirmou o seu compromisso com esse governo na superação dos desafios por ele enfrentados, dentre esses, a (re)organização das forças contrárias que tentam a qualquer custo desestabilizar a gestão, na tentativa de voltar ao poder. Desse modo, vem a público esclarecer que a nota publicada pela Tendência Articulação de Esquerda representa uma posição isolada e contrária ao pensamento do partido.

A Executiva Municipal do Partido dos Trabalhadores em reunião ordinária, nesta terça-feira, 30 de junho, reafirma aliança com a gestão municipal do prefeito Francisco José Júnior, buscando seu fortalecimento de forma participativa, e desautoriza qualquer militante, dirigente ou agrupamento a manifestar-se publicamente contrário a essa decisão em nome do PT.

Executiva Municipal do PT de Mossoró/RN

1 de julho de 2015 às 10:31

Rogério justifica ausência na sessão de ontem e lamenta que redução da maioridade penal não tenha sido aprovada [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A assessoria do deputado federal Rogério Marinho explica a ausência dele ontem na sessão de votação da redução da maioridade penal.

Segundo a assessoria, Rogério teve que acompanhar a mulher em uma consulta mésica da filha de seis anos.

Para a consulta, em Recife e agendada há três meses, era exigida a presença dos pais, diante da importância do procedimento que seria realizado. 

Através de sua assessoria, Rogério reafirmou seu posicionamento favorável à redução da maioridade penal e lamentou a decisão tomada pela Câmara.

1 de julho de 2015 às 10:23

TCE dá prazo de 4 meses para Estado abrir licitação para contratar serviço de neurocirurgia [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O Pleno do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN) determinou, na sessão de ontem, que a Secretaria de Saúde do Estado lance, nos próximos 4 meses, edital de licitação para contratar o serviço de neurocirurgia em hospitais do Estado.

Exigência do TCE: “padrões mínimos contratuais”.

O voto do relator, conselheiro Paulo Roberto Chaves Alves, aprovado à unanimidade, fixou a necessidade de orientar o valor dos plantões contratados a partir de pesquisas mercadológicas tanto no Rio Grande do Norte quanto em outros estados; também de realizar estudos demonstrando exaustivamente o necessário quantitativo de plantonistas e o tipo de plantão adequado, se presencial ou de sobreaviso; e adotar controle de frequência de ponto nos plantões presenciais.
A Clineuro, que presta o serviço de neurocirurgia para o Estado, teve o vínculo renovado emergencialmente até o fim de outubro a partir de um acordo judicial celebrado perante a 3ª Vara da Fazenda Pública de Natal.

1 de julho de 2015 às 9:41

Tributo a Elino Julião continua amanhã em Parnamirim [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O tributo ao compositor Elino Julião prossegue nesta quinta-feira (2) a partir das 19h na Praça Vida Nova, bairro de Vida Nova, Parnamirim com o grupo As Nordestinas ao lado da Banda Trampolim da Vitória, dentro do IV Roteiro Junino promovido pela Fundação Parnamirim de Cultura.
No show “As Nordestinas cantam Elino Julião com a Banda de Música Trampolim da Vitória em Concerto” as duas atrações es interpretarão clássicos do compositor potiguar como “Rabo do Jumento”, “Filho de Goiamum”, “O Burro”, “Na Sombra do Juazeiro”, entre outros grandes sucessos do ícone do cancioneiro regional.
As apresentações do concerto de As Nordestinas e Banda Trampolim da Vitória terão sua quarta e última edição no dia 16 de julho no entorno do Mercado Público na abertura da Festa do Sabugo.

1 de julho de 2015 às 8:17

Projeto relatado por Walter Alves, que facilita regularização de municípios junto à União, é aprovado na Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O plenária da Câmara Federal aprovou nesta terça-feira, projeto relatado pelo deputado Walter Alves (PMDB), que dá novos parâmetros para a renegociação das dívidas dos estados e municípios com a União.

O projeto facilita a regularização dos municípios junto ao Governo Federal, permitindo a aplicação da renegociação de índice de correção das dívidas, independente de regulamentação.
O prazo concedido para a União pactuar com estados e municípios os aditivos contratuais é até o dia 31 de janeiro de 2016. 

Caso isso não ocorra, estados e municípios poderão recolher, de acordo com seus próprios cálculos, a título de pagamento para a União, o montante devido com a aplicação da lei. Caso exista diferença nos cálculos, caberá a União corrigir posteriormente.
“A falta da definição de um prazo deixaria a União e seus órgãos liberados para colocar uma pedra no assunto, deixando a situação dos devedores sem solução”, explicou Walter Alves.

Quanto aos depósitos administrativos e judiciais, o deputado lembra que é muito dinheiro parado, principalmente, na situação atual em que a crise reduz os investimentos. “Diante disso, estabelecemos a criação de um fundo de reserva de 30%, e o restante, é transferido para as respectivas contas únicas”, ressaltou.
O projeto foi aprovado com 461 votos a favor, 7 contra e 1 abstenção, e agora segue para sanção presidencial.

  

1 de julho de 2015 às 8:04

Robinson anuncia retomada das obras de adutora no Oeste e projeto de dessalinização em João Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

No município de Pau dos Ferros, nesta terça-feira, o governador Robinson Faria assinou a ordem de serviço para retomada das obras do Sistema Adutor do Alto Oeste.

As obras estão paradas desde 2013. 

O sistema adutor vai permitir o abastecimento de 10 municípios.

“Estou aqui com minha equipe técnica da Secretaria de Recursos Hídricos,?Caern e Igarn para discutirmos os problemas da região no que diz respeito à seca quebcastiga nosso estado há muitos anos. Mas não podemos mais pensar em modelos paliativos porque as pessoas estão cansadas. Precisamos planejar para os próximos anos”, disse o governador.

“A retomada do sistema adutor do Alto Oeste é um exemplo prático disso; uma obra que estava parada há mais de dois anos”.

“Até hoje, nessa gestão, já foram perfurados mais de 150 poços. O abastecimento com carros pipa foi estendido também para as zonas rurais. Estamos ousando, como sempre diz o governador, instalando em João Câmara um projeto piloto de um dessalinizador movido a energia solar, dentro do Programa Água Doce”, disse Mairton França, titular da pasta de Recursos Hídricos.

Participaram do debate sobre falta d’água em Pau dos Ferros, prefeitos e secretários de José da Penha, Alexandria, Lucrécia, Doutor Severiano, Luís Gomes, Riacho da Cruz, Severiano Melo, Pilões, Serrinha dos Pintos, e o anfitrião Fabrício Torquato.
Fotos Vivian Galvão
  

 
Robinson foi recebido em Pau dos Ferros pelo prefeito Fabrício Torquato 

1 de julho de 2015 às 7:50

O tombo do atleta Heráclito Fortes marcou a votação da PEC da maioridade penal [0] Comentários | Deixe seu comentário.

E a imagem da noite, em meio a muito tumulto no Congresso, com movimentos protestando contra a redução da maioridade penal, foi a ‘ida ao chão’ do deputado Heráclito Fortes, do PSB do Piauí.

O deputado tentava entrar para votar e foi abordado por manifestantes.

 
CLIQUE AQUI PARA VER O VÍDEO 

Já no plenário, Heráclito tentou e tentou explicar o tombo.

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, disse que ele foi tombado.

Fortes disse que se não tivesse sido um grande atleta na juventude, as consequências poderiam ser piores.

Eram essas pessoas que impediam a entrada dos deputados:

 
CLIQUE PARA VER O VÍDEO 

1 de julho de 2015 às 6:46

Entenda o que são crimes graves incluídos na PEC que não passou na Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Para entender…

Veja em quais casos a PEC que reduziria a maioridade penal em casos de crimes graves, mas que não foi aprovada, se aplicaria:

Crimes hediondos: homicídio quando praticado em atividade típica de grupo de extermínio, ainda que cometido por um só agente; homicídio qualificado, como quando há utilização de meio cruel; latrocínio (roubo seguido de morte); extorsão qualificada pela morte; estupro; epidemia com resultado morte; falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais; e favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de criança ou adolescente ou de vulnerável.

Homicídio doloso: Quando o criminoso teve a intenção de matar a vítima ou assumiu o risco de produzir a morte.

Roubo qualificado: Se o crime é exercido com emprego de arma; se há participação de duas ou mais pessoas no delito; se a vítima está em serviço de transporte de valores e o agente conhece tal circunstância; se a subtração for de veículo automotor que venha a ser transportado para outro estado ou para o exterior; e se o agente mantém a vítima em seu poder, restringindo sua liberdade.

Lesão corporal grave, seguida ou não de morte: Quando a lesão resulta em incapacidade para as ocupações habituais, por mais de trinta dias; perigo de vida; debilidade permanente de membro, sentido ou função; aceleração de parto; incapacidade permanente para o trabalho; enfermidade incurável; perda ou inutilização do membro, sentido ou função; deformidade permanente; e aborto.

Fonte: G1

1 de julho de 2015 às 6:06

Por 5 votos, redução da maioridade penal não passa na Câmara [0] Comentários | Deixe seu comentário.

Do G1:

 


 Câmara rejeita texto-base da PEC que reduz maioridade penal

Estudantes fizeram protestos e foram impedidos de entrar no plenário. Texto reduzia de 18 para 16 anos maioridade penal para crime hediondo

Nathalia Passarinho

A Câmara dos Deputados rejeitou nesta terça-feira (30) o texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC) que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos nos casos de crimes graves. Para ser aprovada, a PEC precisava de ao menos 308 votos favoráveis – equivalente a 3/5 do número total de deputados –, mas somente 303 deputados foram a favor. Outros 184 votos foram contra e houve 3 abstenções.
Apesar da derrubada da matéria, a Casa ainda precisará votar o texto original, que reduz a idade penal para 16 anos em qualquer crime. De acordo com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a votação deverá ser retomada na próxima semana ou depois do recesso parlamentar de julho. Se a matéria for rejeitada outra vez, a proposta será arquivada.

Pela PEC, poderiam ser penalizados criminalmente os jovens com 16 anos ou mais que cometessem crimes hediondos (como latrocínio e estupro), homicídio doloso (intencional), lesão corporal grave, seguida ou não de morte, e roubo qualificado. Eles deveriam cumprir a pena em estabelecimento separado dos maiores de 18 anos e dos menores de 16 anos.
A rejeição da PEC foi comemorada por cerca de 200 manifestantes ligados à União Nacional dos Estudantes (UNE) e à União Nacional dos Estudantes Secundaristas (UNES) que acompanharam a sessão das galerias do plenário (veja vídeo acima). Eles gritaram palavras de ordem e repetiram o grito “não, não, não à redução”.

Por acordo entre líderes partidários, 10 parlamentares foram escolhidos para falar a favor do projeto em plenário e outros 10 discursaram contra. O líder do PMDB, Leonardo Picciani (RJ), defendeu a proposta. “É um texto que tem equilíbrio, propõe a redução para crimes graves, hediondos, crimes contra a vida. Fico imaginando a justificativa para se suprimir a vida de alguém. É injustificável, nem a idade nem a classe social justificam.”

O líder do Solidariedade, Arthur Maia (BA), afirmou acreditar um jovem de 16 anos que comete crime tem “absoluta consciência” do que está fazendo. “Nenhum jovem deve temer a aprovação dessa lei. A lei serve para punir criminosos. Ser pobre e ser humilde não é salvo-conduto para matar e estuprar”, disse.

Já PT se posicionou contra alterar a Constituição para reduzir a maioridade penal e defendeu como alternativa à PEC alterar o Estatuto da Criança e do Adolescente para ampliar o tempo de internação de jovens que cometem crimes graves.
“Todos querem combater a violência, e se combate a violência reformando o ECA. [Defendemos] a ampliação do tempo máximo de internação daqueles que praticam crime com grave ameaça de 3 para oito anos. As civilizações modernas trabalham a ideia da ressocialização, não é cadeia mais cadeia”, discursou o líder do governo, José Guimarães (CE).

O líder do PSOL, Chico Alencar (RJ), também defendeu que a punição a menores de 18 anos não resolve o problema da criminalidade no país. Para ele, é preciso investir em educação e ações sociais. “Estamos discutindo uma decisão que vai ter efeito constitucional sobre se apostamos no ódio, na vingança, no vigiar e punir ou na educação e proteção integral à criança e ao adolescente.”

O texto da PEC inicialmente previa reduzir a maioridade para 16 anos para qualquer tipo de delito. Por acordo entre parlamentares do PSDB, do PMDB e outros partidos, o relator da proposta na comissão especial, deputado Laerte Bessa (PR-DF), alterou o próprio relatório para restringir a responsabilização penal a crimes graves.

Protestos

A votação foi acompanhada por poucos manifestantes nas galerias, já que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), impediu a entrada do público após tumulto no anexo 2 da Casa, prédio que tem ligação com o corredor que dá acesso ao plenário principal. Manifestantes ligado à União Nacional dos Estudantes (UNE) e à União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) que estavam do lado de fora do edifício tentaram forçar a entrada e foram contidos com spray de pimenta.

Antes disso, o deputado Heráclito Fortes (PSB-PI) foi derrubado em um dos acessos ao salão verde da Câmara, durante protesto de estudantes que haviam conseguido permissão para entrar (veja vídeo ao lado). Fortes foi cercado pelos manifestantes no saguão do Anexo 2. Policiais legislativos tentaram garantir a passagem do parlamentar do PSB, mas, em meio à confusão, um dos estudantes o empurrou. O deputado caiu no chão e ficou estirado por alguns segundos. Com o auxílio de seguranças, se levantou e cruzou rapidamente a porta que dá acesso ao corredor.

Antes do tumulto, Cunha havia permitido a entrada, controlada por senha, de manifestantes contrários e favoráveis à PEC. Os “tickets” de acesso foram entregues aos partidos políticos, de forma proporcional ao tamanho das bancadas, e posteriormente distribuídos pelos deputados ao público.