Thaisa Galvão

23 de maio de 2021 às 23:33

Prefeito Alan Silveira fala sobre decreto com toque de recolher a partir de 18h prorrogado a partir desta segunda-feira em Apodi (RN) [1] Comentários | Deixe seu comentário.

Começa a valer nesta segunda-feira (24), a prorrogação do decreto mais restritivo do que o do Estado, no município de Apodi, região Oeste do Rio Grande do Norte.

Fora da 6ª regional de Saúde, com 37 municípios onde um novo decreto do Governo está em vigor, Apodi seguirá cumprindo decreto próprio, que por ser mais restritivo não implica em descumprimento.

Além de bares, restaurantes e academias fechados, o toque de recolher começa às 18h.

Somente no mês de maio, 24 pessoas morreram de covid em Apodi, onde 3 novos óbitos foram registrados neste domingo.

O prefeito Alan Silveira contou, na live 30Minutos, no instagram do Blog, as restrições do decreto de Apodi.

Alan conversou comigo e com o jornalista Octavio Santiago.

No dia 30 de abril o número de óbitos em Apodi durante toda a pandemia era 65.

No dia 23 de maio, este domingo, o número registrado foi de 89 mortes.

23 de maio de 2021 às 15:02

Prefeito de Encanto decide descumprir decreto do Estado e secretária de Saúde deixa gestão: “Não posso assumir a responsabilidade do caos dos próximos dias” [0] Comentários | Deixe seu comentário.

A secretária de Saúde do município de Encanto, Lídia Guedes, pediu exoneração do cargo.

O pedido foi feito na quinta-feira, e acatado pelo prefeito Alberone Neri neste sábado.

Lídia não aceitou continuar fazendo parte da gestão do prefeito do Democratas, que mesmo diante do aumento de casos confirmados e de mortes por covid na região Oeste, emitiu nota afirmando que não vai seguir o decreto do Governo do Estado, com validade desde a sexta-feira, 21, até 6 de junho, exclusivamente nos municípios da 6ª Regional de Saúde, na qual Encanto está inserida.

O decreto, com medidas mais restritivas, solicitado por prefeitos da regional, foi literalmente ignorado pelo prefeito.

Sem avisar à secretária, o prefeito publicou nota nas redes da Prefeitura confirmando que iria desobedecer o decreto.

“Pedi exoneração para ficar de consciência tranquila, não posso assumir a responsabilidade do caos dos próximos dias”, disse a secretária ao Blog, afirmando que esta foi a gota d’água e que vinha enfrentando outras divergências em relação à saúde pública.

Vale salientar que o prefeito não é médico.

Com o liberou geral do prefeito, na sexta-feira, já com o decreto do governo em vigor na 6ª regional, rolou uma festa em uma granja no município de Encanto.

A secretária acionou a Polícia Militar que já vem cumprindo o decreto estadual, e a festa foi encerrada à meia-noite com a chegada dos PMs.

Lídia Guedes é aliada política do prefeito, e pelo que diz, não há rompimento, porém, desentendimento profissional.

A secretária é psicóloga e compreende mais do que politicamente, a necessidade dos cuidados diante da pandemia que acena com uma terceira onda de mortes em todo o Brasil, por isso o pedido de exoneração.

Neste domingo cedo o prefeito enviou mensagem agradecendo a Lídia “pelos serviços prestados ao Encanto enquanto Secretária”.

Enquanto secretária…

Alberone não agradeceu a Lídia por ter lhe presenteado com o mandato de prefeito.

Em setembro do ano passado ela foi chamada de “rapariga” pelo ex-prefeito Atevaldo, filiado ao Republicanos que ela preside, e pré-candidato à reeleição.

Em troca, Lídia não garantiu a legenda e Atevaldo, que teria uma reeleição garantida, não conseguiu ser candidato.

Lídia apoiou Alberone, que mesmo já tendo sido prefeito por dois mandatos, não se elegeria numa disputa com Atevaldo.

No cargo, a gratidão foi pro espeço.

O assunto foi notícia no Blog E CLICANDO AQUI VOCÊ PODE CONFERIR

Confira o quadro atualizado da pandemia no município de Encanto.

23 de maio de 2021 às 6:38

Bolsonaro não tem poder de regular redes sociais por decreto e vai continuar perdendo publicações em defesa da cloroquina [0] Comentários | Deixe seu comentário.

O presidente Jair Bolsonaro quer baixar um decreto regulando as redes sociais.

Quer fazer isso para impedir que seus vídeos em defesa do tratamento precoce contra covid a partir do uso da cloroquina sejam derrubados das plataformas.

Só nos últimos dias perdeu 9 publicações .

Porém, Bolsonaro não pode tudo o que pensa que pode, como alerta o editorial do jornal O Globo deste domingo.

Confira trecho que resume o editorial: